Última chance

Desde que comecei o World of Motorsport, em 2010, em todos os anos um piloto brasileiro venceu no mês de janeiro. Mas em 2018 ainda não houve um representante do país no degrau mais alto do pódio.

A última chance é neste fim de semana.

Ou seja, agora depende principalmente de Christian Fittipaldi, Helio Castroneves, Pipo Derani, Felipe Nasr, Bruno Senna, Augusto Farfus, Daniel Serra, Bruno Junqueira e Pierre Kleinubing, além de Caio Collet, para que os  brasileiros mantenham a sequência vitoriosa.

Entre os principais motivos para a falta de triunfos está o número menor de atletas do país correndo. Não há representantes na Toyota Racing Series nesta temporada nem houve nas 24 Horas de Dubai.

Outro fator é que algumas categorias só voltam à pista em fevereiro, como é o caso do MRF Challenge, que tem Felipe Drugovich como favorito à conquista do título.

Em que pese a Formula E ter realizado a etapa do Marrocos, em 13 de janeiro, quando Nelsinho Piquet e Lucas Di Grassi podiam ter disputado a primeira posição.

Com relação a 2010, alguns campeonatos em que os brasileiros costumavam ir bem já encerraram as atividades. Um é o Brazil Open, torneio de F3 disputado em Interlagos durante o aniversário de São Paulo até 2015 e que atraia alguns nomes internacionais. Era uma boa chance para representantes do país subirem no degrau mais alto do pódio, afinal eram quatro corridas ao longo de um único fim de semana.

Outro que não acontece mais é o torneio de inverno da USF2000.

Entre os pilotos que competem em Daytona, Christian Fittipaldi é quem tem a maior chance de ficar com a vitória. Ele conta com o equipamento da Cadillac, até o momento um pouco superior aos demais, além de dois parceiros profissionais, os portugueses Filipe Albuquerque e João Barbosa.

Helio Castroneves, em um dos carros da Penske junto com Ricky Taylor e Graham Rahal, também é uma boa aposta.

Felipe Nasr, que marcou o melhor tempo no Roar, os treinos de pré-temporada da Imsa, tem dois parceiros amadores no time – Eric Curran e Stuart Middleton -, o que pode comprometer o resultado final.

Situação parecida de Pipo Derani (com Johannes van Overbeek), com o agravante de que o equipamento da Nissan não parece estar no mesmo nível dos Cadillac. Em um LMP2, Bruno Senna corre por fora.

Nas demais divisões, Daniel Serra tem o mesmo problema de o gentleman driver do time – Paul Dalla Lana – poder comprometer o resultado final, apesar da pole na divisão GTD. Augusto Farfus sofre com uma BMW cheia de problemas técnicos na estreia do modelo M8, enquanto Bruno Junqueira não tem muitas chances com o Lexus.

Para terminar, Pierre Kleinubing está na Continental Challenge, nesta sexta, na divisão TCR. Se vencer a prova de quatro horas de duração, não só acaba com o jejum dos brasileiros neste começo do ano como pode se tornar o primeiro piloto do país a ganhar com um carro TCR.

O último piloto do país que pode vencer no fim de semana é Caio Collet, que faz a estreia nos monopostos na etapa de Dubai da F4 dos Emirados Árabes Unidos. São quatro corridas no fim de semana, boas chances, portanto.

Veja um resumo das vitórias brasileiras em janeiro desde 2010:

2010: André Negrão (Brazil Open) e Lucas Foresti (Toyota Racing Series)
2011: Lucas Foresti (Brazil Open) e Vinicius Perdigão (USF2000 Winterfest)
2012: Lucas Foresti (Brazil Open) e Oswaldo Negri (24h de Daytona)
2013: Felipe Guimarães (Brazil Open), Bruno Bonifacio e Pipo Derani (Toyota Racing Series)
2014: Felipe Guimarães e Leandro Florenzo (Brazil Open) e Christian Fittipaldi (24h de Daytona)
2015: Tony Kanaan (24h de Daytona)
2016: Pedro Piquet (Toyota Racing Series), Pietro Fittpaldi (MRF Challenge) e Pipo Derani (24h de Daytona)
2017: Pedro Piquet (Toyota Racing Series)

Na primeira versão deste post, não tinha incluído Caio Collet entre os pilotos com chance de vitória, porque não houve anúncio de ele correr em Dubai. O texto foi corrigido.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s