Kyle Busch, Toyota, Charlotte, Nascar, Nascar Truck Series, recompensa

A recompensa que salvou a volta da Nascar Truck Series 2020

Se tem um problema que a Nascar nunca conseguiu resolver direito, é a participação de Kyle Busch nas corridas da Xfinity e da Truck Series, onde ele costuma dominar as provas e tirar parte da graça.

Para se ter ideia, entre a corrida de Pocono, realizada em julho de 2018, e a de Las Vegas, em fevereiro deste ano, o americano participou de sete provas da Truck e ganhou todas, tendo liderado 946 voltas nesse intervalo.

A única medida que a Nascar tomou para evitar o domínio dele foi restringir o número de provas que Busch – ou qualquer outro que dispute o título da Cup – pode fazer por temporada nas divisões menores. São no máximo cinco por ano.

Ainda assim, essa limitação não impediu que Kyle Busch tivesse 100% de aproveitamento nas cinco corridas da Truck Series das quais tomou parte em 2019.

E quem surgiu para tentar evitar que essa soberania se repetisse em 2020 não foi ninguém da organização da Nascar. Foi, na verdade, outro piloto da Cup. No começo do ano, Kevin Harvick anunciou que estava colocando uma recompensa de 50 mil dólares para qualquer nome da principal divisão da Nascar que se inscrevesse em uma corrida da Truck Series e terminasse na frente de Kyle Busch.

Dava para resumir a ideia como “se não pode vencê-lo, junte-se a ele”.

Mas não deixava de ser uma boa maneira de promover a Nascar Truck Series. Afinal, a crítica feita a Kyle Busch é que seus principais resultados foram conquistados nas divisões menores, onde costuma correr apenas contra competidores que jamais conseguiram se firmar na Cup ou que estão ainda no início da carreira. A recompensa, portanto, servia para trazer adversários de peso para ele, além de, é claro, animar as etapas.

A ideia foi tão boa que ganhou o apoio do presidente da Camping World, o grupo que é patrocinador-máster da Truck Series. O dirigente decidiu dobrar a aposta e oferecer mais 50 mil para quem derrotasse Busch.

Rivalidade na Nascar após a pandemia

Como resultado, a etapa de Charlotte da Truck Series, a primeira após a pausa provocada pela pandemia do novo coronavírus, teve a presença de três pilotos da Cup de olho no dinheiro: Chase Elliott, John Hunter Nemechek e Brennan Poole.

É aí que entra um pouco de sorte para a categoria.

Por causa da pandemia, a Nascar escolheu fazer suas primeiras corridas na retomada em Darlington, por ser um circuito mais próximo da sede das equipes, o que facilitaria a logística e impor o distanciamento social.

Darlington é conhecida por ser uma pista que costuma provocar acidentes, e neste ano não foi diferente com Kyle Busch e Chase Elliott se envolvendo em um batida nas voltas finais de uma das provas. No lance, o piloto da Hendrick culpou o adversário pelo toque e por ter perdido a chance de ficar com a vitória.

Por causa da batida, Elliott chegou a mostrar o dedo do meio para Busch, e mais tarde os dois discutiram nos boxes.

Menos de uma semana depois esses dois voltaram a disputar uma vitória, mas dessa vez na prova de Charlotte da Truck Series, com a recompensa valendo.

Dessa vez, quem levou a melhor foi Elliott, que cruzou a linha de chegada em primeiro, com menos de 1s de vantagem para o adversário, acabando com a sequência de vitórias de Busch nos trucks.

Para melhorar, ele comemorou a vitória fazendo uma reverência, que é justamente o gesto feito por Kyle Busch para celebrar suas conquistas, em uma clara provocação ao rival.

Elliott ainda poderá escolher alguma instituição que atue no combate da covid-19 para receber a doação dos 100 mil dólares da recompensa.

E foi assim que uma corrida da Truck Series que tinha tudo para ser só mais um passeio de Kyle Busch se tornou o mais novo capítulo dessa nova rivalidade entre esses dois pilotos da Nascar. A categoria, aliás, acabou sendo a grande beneficiada por essa história da recompensa, mesmo sem ter se esforçado para se promover.

Você pode clicar aqui para ver os resultados completos da Nascar Truck Series em Charlotte, assim como os demais do fim de semana.

foto do topo: toyota gazoo racing/divulgação

Nascar, Chase Elliott
Chase Eliott venceu a corrida da Nascar Truck Series 2020 em Charlotte, acabou com a sequência de triunfos de Kyle Busch e ainda garantiu os 100 mil dólares da recompensa – foto: tom copeland/chevy racing/divulgação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s