Cañizares agora é piloto
Cañizares agora é piloto

Goleiro da seleção espanhola de futebol em três Copas do Mundo, Santiago Cañizares trocou os campos pelas quatro rodas.

O espanhol, que se aposentou do futebol em 2008, participou de algumas etapas do Campeonato Espanhol de Rali nos últimos cinco anos e, no fim de semana passado, fez a estreia na Nascar.

Cañizares particiou da etapa de abertura da Nascar Europeia em Valência, na divisão Elite 2. Diferentemente do que acontece no certame americano, onde há apenas um piloto por carro, no torneio europeu a disputa acontece em duplas, no estilo Pro-Am.

Isto é, em uma corrida participa um piloto profissional – na divisão Elite 1 – e na outra um gentleman driver – na Elite 2. Assim, o ex-arqueiro foi convidado para dividir o Ford Mustang de número 4 com o titular Wilfried Boucenna.

Cañizares, no entanto, não teve um bom desempenho na estreia. Ele marcou apenas o 20º tempo entre 25 carros no treino classificatório e terminou a sua bateria em 17º, uma volta atrás.

O ex-goleiro competiu com o carro número 4
O ex-goleiro competiu com o carro número 4

No domingo, o treinador da equipe Eficaciter levantou a placa de substituição, e o goleiro deu lugar ao jovem Moisés Soriano, que abandonou a segunda bateria da Elite 2.

Boucenna teve um desempenho melhor que os parceiros. O piloto da divisão Elite 1 foi o 13º colocado no sábado, mas melhorou no domingo, fechando em sexto.

Além de piloto, Cañizares também atua como comentarista de futebol na Espanha. No futebol, jogou pelo Real Madrid e pelo Valência e disputou algumas partidas pela seleção espanhola, onde foi reserva na maior parte do tempo.

A corrida da Nascar Euro também contou com dois brasileiros. William Ayer e Gabriela Arantes dividiram o carro número 21, com o veterano piloto conquistando o 15º lugar na primeira bateria da Elite 1.

Cañizares não é o único ex-goleiro a se dedicar ao automobilismo. Fabien Barthez, campeão da Copa de 1998 pela França, corre em carros GT e, inclusive, disputou as 24 Horas de Le Mans no ano passado. Pato Abbondanzieri, ídolo do Boca Juniors, participou de uma etapa do Top Race em 2011, ao lado do antigo companheiro Martín Palermo.