Rush 2

Mathias Lauda e Freddie Hunt são rivais no MRF Challenge
Mathias Lauda e Freddie Hunt são rivais no MRF Challenge

A temporada 1976 da F1 foi marcada pelo confronto entre o boêmio James Hunt e o perfeccionista Niki Lauda. Naquele ano, o austríaco sofreu um gravíssimo acidente no GP da Alemanha, conseguiu se recuperar em tempo recorde, mas não foi capaz evitar o título do rival, obtido por um único ponto de vantagem. A história desse duelo foi contada pelo filme ‘Rush’, de Ron Howard, lançado no ano passado.

Quase 40 anos depois, Hunt e Lauda voltam a dividir a pista. Isso porque o MRF Challenge, um campeonato indiano de monopostos, disputado durante o inverno europeu, apostou em uma estratégia ousada. Para divulgar o certame, eles convidaram Mathias Lauda e Freddie Hunt, filhos dos ex-pilotos de F1, para participar da temporada 2014/2015.

Assim como aconteceu com os pais, o novo duelo entre as famílias Hunt e Lauda também vai virar filme. Será em um documentário chamado ‘Os Filhos da Velocidade’, que contará o passo a passo dos dois no campeonato.

As filmagens começaram neste fim de semana, quando a dupla de sobrenomes famosos se juntou a outros 12 pilotos no circuito de Losail, no Qatar, para as primeiras quatro corridas da temporada. Entre os adversários estão dois brasileiros: Pedro Cardoso, que disputou a Ginetta Junior e a F-Junior em 2014, e Vinícius Paparelli, fazendo a transição do kartismo para os monopostos.

Em outros anos, os dois brasileiros teriam mais dificuldades nessa primeira aventura internacional da carreira nos monopostos. O MRF Challenge já contou com a participação de pilotos vindos da GP2, GP3 e World Series by Renault, tendo visto Jordan King, Conor Daly e Tio Ellinas, entre outros, lutarem pela taça.

Mas muitos desses competidores chegaram ao campeonato indiano por bolsas, tanto da própria MRF como da Renault. Dessa vez, o dinheiro gasto para atrair pilotos diminuiu, e os principais nomes foram mesmo Hunt e Lauda. Só que a dupla, apesar do pedigree, jamais chegou perto do sucesso alcançado pelos pais. Enquanto Freddie desistiu do automobilismo após não ir muito bem nas categorias de base, Lauda chegou à F3000, teve uma passagem sem brilho pelo DTM e hoje se dedica a carros GT e à Nascar Europeia.

Com isso, consequentemente, o nível dos pilotos caiu. Prova disso é que duas das quatro baterias realizadas no Qatar foram vencidas pelo jovem britânico Toby Sowery, que disputa um campeonato amador de F3 no Reino Unido.

Pedro Cardoso (6) ficou próximo do pódio
Pedro Cardoso (6) ficou próximo do pódio

Os brasileiros, por sua vez, mostraram evolução na estreia. Pedro Cardoso conquistou um quarto lugar na última das quatro corridas, sendo o melhor resultado ao longo do fim de semana. O brasiliense ainda teve um quinto, um oitavo e um 11º lugares. Já Paparelli, a exemplo do compatriota, também andou melhor na bateria final, quando foi o oitavo colocado. Ele também acumulou um nono, um décimo e um abandono.

Talvez a melhor forma de avaliar o desempenho deles é comparar com Nikita Mazepin, o russo de apenas 15 anos, que também está fazendo a estreia nos monopostos. Atual vice-campeão mundial de kart, o garoto apoiado pelo banco SMP está se preparando para dar o próximo passo da carreira e, no Qatar, logo de cara obteve um segundo lugar na corrida 2. Ele ainda garantiu um quinto e um sexto e teve um abandono.

O outro destaque no grid é o indiano Tarun Reddy, um velho conhecido de brasileiros. Companheiro de equipe de Pietro Fittipaldi durante a campanha vitória do neto de Emerson na F-Renault Inglesa neste ano, ele também participou de um certame menor organizado pela MRF em 2014, sendo o campeão.

Você pode clicar aqui para conferir os resultados completos da MRF Challenge, assim como das demais principais categorias do automobilismo mundial neste fim de semana. De antemão, porém, lamento que a qualidade da imagem dos resultados não seja boa, mas é o que foi possível conseguir de forma mais rápida após cada atividade no Qatar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s