Nico Hulkenberg foi o grande destaque dos treinos privados da Indy, nesta última semana de outubro, em Barber. O alemão, que não conseguiu voltar à F1 após a passagem pela Renault e como substituto na Racing Point, andou pela McLaren, que estuda colocar um terceiro carro já em algumas etapas da temporada 2022.

Algumas notícias publicadas pela imprensa internacional apontavam que no teste em Barber não era Hulkenberg que estava sendo avaliado pela McLaren, mas o alemão que estava conhecendo a Indy e decidindo se realmente deseja seguir os passos de Romain Grosjean e mudar sua carreira para os EUA.

Ou seja, caso Hulkenberg escolha, ele é o favorito para ficar com o terceiro carro da McLaren em algumas etapas de 2022, certo?

Não é bem assim. Nesta semana a equipe também anunciou que Stoffel Vandoorne vai andar com o equipamento da Indy em uma data ainda a ser marcada.

Stoffel Vandoorne pode ir para na Indy em 2022?

Vandoorne tem uma longa história pela McLaren. Ele integrou a academia de jovens pilotos da escuderia britânica, correu na F1 pela esquadra em 2017 e em 2018 (num período de vacas magras e marcado por polêmicas com o motor Honda) e hoje é um dos reservas do time – cedido pela Mercedes, montadora que defende na Formula E.

Contatos, portanto, não faltaram para ele na hora de negociar um teste nos EUA.

Como Vandoorne ainda tem contrato com a Mercedes para a próxima temporada dos carros elétricos, disputa corridas de longa duração no WEC e é reserva na F1, é mais complicado que ele encontre tempo para se dedicar à Indy em 2022, ainda mais se não tiver como objetivo tomar parte da temporada completa em 2023.

Nesse sentido, Hulkenberg é mais favorito para ficar com a vaga, caso realmente faça a mudança para os EUA.

Mas é bom o veterano piloto alemão abrir o olho, porque a McLaren já indicou que tem inúmeros competidores interessados na terceira vaga e não ficará esperando para sempre.

Você pode clicar aqui para ver como o grid da Indy 2022 está sendo montado.

foto de Stoffel Vandoorne na McLaren
Stoffel Vandoorne teve uma passagem apagada pela McLaren na F1 e agora pode voltar à escuderia na Indy 2022 – foto: honda/divulgação