A última etapa da temporada 2021 da F4 Francesa, marcada para este penúltimo fim de semana de outubro, em Nevers Magny-Cours, será um prato cheio para quem gosta de nomes clássicos do esporte a motor. Teremos um Ligier correndo contra um Peugeot.

Mas, calma, não se trata de novos carros! Os jovens competidores continuarão competindo com o chassi desenvolvido pela Mygale e equipado com motor Renault. É que haverá um piloto com sobrenome Ligier correndo contra um da família Peugeot.

O primeiro deles é Daniel Ligier, que está encerrando seu segundo ano completo na categoria. E o francês não tem parentesco com Guy Ligier, dono de equipe na F1 entre 1976 e 1996 e que morreu em 2015.

Ligier, o jovem piloto, vem tendo um ano bastante positivo. Faltando apenas a etapa de Nevers Magny-Cours, ocupa a quarta colocação na tabela de pontos, tendo obtido nove pódios em 18 corridas até agora.

Para a próxima temporada, já indicou que planeja se transferir para a F-Regional by Alpine, a exemplo do que fizeram Caio Collet, Hadrien David e Isack Hadjar nas últimas temporadas.

A estreia de Enzo Peugeot na F4 Francesa 2021

Enzo Peugeot, que estreia na F4 Francesa no fim de semana, vem, sim, de uma família famosa. Mas nada a ver com a tradicional montadora.

O pai do piloto é um famoso chef francês chamado Laurent Peugeot, cujo restaurante recebeu uma conhecida condecoração na área da gastronomia, a estrela Michelin.

Para melhorar essa história, só faltavam os carros da F4 Francesa serem equipados com os pneus da Michelin. Mas a fornecedora do campeonato é a Pirelli…

Voltando a Peugeot, o estreante, vale ficar de olho nele. Em 2020, sagrou-se campeão francês de kart, na divisão OKJunior. O vice daquele ano foi um competidor chamado Elliott Vayron.

Vayron (não confundir com o Bugatti Veyron, já que estamos falando de marcas de carro da França) também estreou na F4 Francesa neste ano, no meio da temporada, como forma de se preparar para a campanha completa no ano que vem. Até agora disputou três rodadas em 2021, todas como convidado – e já acumula três vitórias.

Ou seja, se o vice-campeão francês de kart já está sobrando na categoria, imagina o que podemos esperar do primeiro colocado.

Enquanto isso, fica a expectativa pela estreia de João Renault, Carlos Citroën, Pedro Alpine e Luiz Venturi na categoria nos próximos anos.