A temporada 2021 do kartismo internacional começa neste fim de semana, em Adria, na Itália, com a WSK Champions Cup, torneio conhecido por ser o primeiro do ano. É a chance de ver quem são os pilotos que estão surgindo no esporte a motor mundial e por quais equipes eles vão correr.

Para o Brasil, o ano é ainda mais especial. O motivo? É que o Mundial de Kart deverá ser disputado aqui no país, em novembro, em Birigui, no interior de São Paulo. Será a oportunidade de os representantes do país se juntarem a Augusto Ribas, Gastão Fráguas e Ruben Carrapatoso, que subiram no degrau mais alto do pódio nos anos 1980 e 1990.

Abaixo, você fica por dentro de cinco das principais notícias envolvendo o kartismo brasileiro e mundial para este ano:

Rafael Câmara na Kart Republic

Em seu primeiro ano na divisão OK, o pernambucano Rafael Câmara impressionou ao conseguir bons resultados, como a quinta posição no Europeu de Kart e estar na briga pelo top-10 do Mundial até abandonar nas voltas finais. Isso depois de ter sido vice do Mundial em 2019, quando ainda estava na divisão OKJunior.

Para 2021, ele assinou contrato para ser piloto de fábrica da Kart Republic, marca que tem dominado o kartismo nos últimos anos, tendo levado seus representantes aos títulos do Mundial de 2019 e do Europeu de 2020. É o mesmo equipamento que a equipe do ex-F1 Nico Rosberg e que o programa júnior da Sauber têm à disposição.

Como neste ano há nomes da academia da Mercedes, do Red Bull Junior Team e da Academia da Ferrari no kartismo, andar bem contra eles pode fazer um piloto chamar a atenção das escuderias da F1, e nesse sentido Câmara sai em vantagem por ter o bom equipamento da Kart Republic à disposição.

A expectativa é que, passado o Mundial, o pernambucano inicie a transição para os monopostos.

Matheus Morgatto segue na Birel ART

Um dos mais experientes da divisão OK, a principal do kartismo internacional, Matheus Morgatto renovou contrato com a equipe de fábrica da Birel ART. Por esse time, ele marcou a pole-position para o Mundial no ano passado e esteve na briga pelas primeiras colocações durante todo aquele fim de semana.

Tendo completado 17 anos de idade, o piloto poderia já ter optado por fazer a transição para os monopostos, mas neste ano ficará por mais uma temporada no kartismo internacional. Ele chegou a disputar a seletiva da Richard Mille, que vale uma vaga na F4 Francesa, no fim do ano passado, mas foi derrotado pelo australiano Hugh Barter.

Diferentemente de Câmara, Morgatto vai pular a WSK Champions Cup e fará sua estreia na temporada 2021 do kartismo no último fim de semana de fevereiro, no WSK Super Master Series.

Aurelia Nobels também na Birel ART

Quem também integrará a equipe de fábrica da Birel ART em 2021 será Aurelia Nobels, que fez carreira no kartismo aqui no Brasil e durante alguns anos integrou o programa da Shell, o mesmo que tinha Gianluca Petecof.

Ela é nascida nos Estados Unidos e filha de pais belgas, sendo que no Mundial do ano passado correu defendendo a Bélgica. Na apresentação oficial de seus pilotos para este ano, a Birel ART anunciou Nobels como brasileira, assim resta ver qual país ela vai representar em 2021. Ela estará na divisão OKJunior.

Miguel Costa também na OKJunior

Aos 11 anos de idade, Miguel Costa, que integra o programa de jovens pilotos da Sauber, fará sua estreia na divisão OKJunior já neste fim de semana no WSK Champions Cup.

Por ser um dos mais jovens do grid, a expectativa é que ele primeiro se adapte à divisão antes de brigar pelas primeiras colocações. Mas, por já fazer parte da academia de uma equipe de F1, vale ficar de olho nele.

A sucessora de Maya Weug

Maya Weug venceu, em janeiro, a seletiva Girls on Track, que lhe rendeu a vaga na Academia da Ferrari e a temporada 2021 completa em uma F4.

Antes de subir para os monopostos, ela integrou o programa de desenvolvimento da Richard Mille, fabricante de relógios que é bem ativa no esporte a motor e vem investindo em pilotas.

Com a promoção de Weug, a Richard Mille já apontou sua sucessora: trata-se da suíça Ekaterina Luescher, de 14 anos, que vai defender a equipe de fábrica da Birel ART na divisão OKJunior. E desde já ela aparece como uma forte candidata à segunda edição do Girls on Track e à vaga na Academia da Ferrari em 2022.

foto do topo: jackson souza/ferrari promo/divulgação

Matheus Morgatto, 2020, pole, Mundial de Kart
Matheus Morgatto renovou com a Birel ART após a pole-position para o Mundial de Kart em 2020 – foto: lrn photo/rf1/divulgação