foto da F-Renault Eurocup

5 jovens promessas para ficar de olho em 2020

Todos os anos costumo apontar aqui no World of Motorsport cinco pilotos para ficarmos de olho na nova temporada do automobilismo.

Meu objetivo nunca é falar nomes óbvios como Mick Schumacher ou Christian Lundgaard – favoritos ao título da F2 – (até porque eles também já foram assunto desta lista em anos anteriores). A ideia é sempre destacar quem está saindo do kart ou dando os primeiros passos na carreira.

Às vezes acontece de eu acertar. Antes de escrever este post, sempre pego as listas de outros anos para ver o que aconteceu com os pilotos de que falei. Por exemplo, no texto feito em 2014 estavam Lando Norris, eleito o novato do ano da F1 em 2019 pela internet, Fabio Quartararo, sensação da última temporada da MotoGP, Pato O’Ward, novo contratado da McLaren na Indy após uma passagem tumultuada pelo Red Bull Junior Team, e Erik Jones, ganhador de uma corrida na Nascar no último ano.

Da lista de 2019, meu aproveitamento não foi tão bom. Acertei em cheio ao falar para ficarmos de olho em Zane Maloney, e o piloto de Barbados foi o campeão da F4 Inglesa 2019 com direito a recorde de vitórias consecutivas. Também apontei Juri Vips, que se tornou o nome mais forte do Red Bull Junior Team após a demissão de Dan Ticktum, e Lundgaard, ganhador de uma prova na F3.

Mas também tinha selecionado Todd Gilliland, que nem sequer se classificou para os playoffs da Nascar Truck Series, mesmo com apoio de fábrica da Toyota. E, pior, entrei no hype de Can Oncu, após vencer na estreia na Moto3 em 2018. Seu desempenho no ano passado foi tão ruim que ele jamais terminou uma corrida entre os dez primeiros, passou parte da temporada machucado e já foi demitido da escuderia que defendia.

Dito isso, vamos aos cinco pilotos em que devemos ficar de olho em 2020:

5) David Vidales

foto David Vidales

Pelos seus bons resultados no kartismo (onde foi três vezes vice-campeão mundial), este piloto de 17 anos é apontado como o espanhol mais promissor desde Fernando Alonso – e olha que estamos em uma época em que Carlos Sainz Jr e Álex Palou estão se firmando.

O curioso é que seus três segundos lugares vieram em categorias diferentes do kartismo. Em 2016, foi na Junior. No ano seguinte, na OK. E, em 2019, na KZ2, nos equipamentos com câmbio. Aliás, sua participação no Mundial foi uma das raras vezes em que correu nos karts no ano passado. Vidales passou a maior parte do ano testando com os monopostos, já de olho na transição em 2020.

Por ser protegido de Alonso, a expectativa é que Vidales estreie na F4 ou na F-Renault Eurocup, correndo pela equipe do ex-F1. Mas no fim do ano passado ele participou dos testes coletivos da F3, pela Campos, então não será uma surpresa caso ele faça suas primeiras provas nos carros de fórmula em um campeonato mais avançado.

4) Gabriel Bortoleto

foto de Gabriel Bortoleto

Quando Caio Collet (algo me diz que essa não é a última vez que falaremos dele) fez a transição para os monopostos no começo de 2018, Bortoleto assumiu o posto de brasileiro mais promissor no kartismo.

No início, saiu-se muito bem, sendo terceiro colocado europeu e mundial, na divisão OKJunior. Mas no ano passado, quando fez o salto para a OK (que equivale à Graduados aqui no Brasil), seus resultados caíram, até como consequência de sua equipe ter optado por disputar menos campeonatos.

Agora Bortoleto se prepara para fazer a transição para os monopostos e já anunciou que vai correr tanto na F4 Italiana quanto na F4 Alemã pela sempre favorita Prema. O único porém é que a escuderia não teve um 2019 muito bom, quando foi derrotada em ambos os certames, e o brasileiro enfrentará um grid cheio de pilotos mais experientes, com ou ou dois anos de experiência na categoria.

3) Christian Eckes

foto Christian Eckes

Com Christopher Bell tendo subido para a principal divisão da Nascar, a Toyota ficou sem um forte representante nas divisões menores. Quer dizer, a montadora, que é conhecida por investir em jovens pilotos, ainda terá Harrison Burton e Riley Herbst na Xfinity, mas esses dois ainda não venceram nas principais divisões da Nascar.

Para piorar, Hailie Deegan, apontada como outra jovem promessa, aceitou uma proposta da Ford e se mandou da fabricante japonesa.

É nesse contexto que aparece Christian Eckes. Aos 18 anos de idade, ele foi campeão da Arca, em 2019, com uma corrida a menos que os demais pilotos, e assinou contrato para competir pela equipe de Kyle Busch na Truck Series neste ano. Se tudo sair de acordo com o planejado nas próximas temporadas, ele tem chances reais de um dia seguir os passos de Erik Jones e Bell rumo à principal divisão da Nascar.

Mas vale um aviso. Só não pode dar mole. Kyle Busch costuma ser um chefe de equipe bastante exigente e quer seus pilotos brigando por vitórias e liderando corridas com frequência para que mantenham suas vagas.

BÔNUS: Luca Engstler

foto Luca Engstler

Nas últimas duas temporadas, este alemão de 19 anos se tornou o principal nome dos campeonatos de TCR na Ásia: foi bicampeão do Asiático, venceu o do Oriente Médio e também o da Malásia. É uma questão de tempo para que ele possa transferir seu desempenho dominante também para a Europa.

Oportunidades não devem faltar. Como Engstler é piloto júnior da Hyundai, não será uma surpresa se ele for apontado como substituto de Gabriele Tarquini, de 57 anos, ou de Augusto Farfus/Nicky Catsburg, que se dividem entre o WTCR e os campeonatos de carros GT.

Além disso, a previsão é que o WTCR tenha um grid enxuto em 2020, por causa das saídas da Volkwsagen e da Audi, além da possível debandada da Alfa Romeo. Assim, caso a Hyundai escolha ampliar seus investimentos no certame, para compensar quem está indo embora, Engstler é uma escolha natural para a vaga.

2) Gabriele Mini

foto Gabriele Mini

Bicampeão italiano de kart e duas vezes vice europeu. Esse é o currículo de Gabriele Mini, piloto que é apontado como a maior chance de a Itália voltar a ter um representante competitivo na F1.

Para isso, ele tem a carreira gerenciada por Nicolas Todt, considerado o principal empresário do mundo no automobilismo e que também trabalha com Charles Leclerc, Felipe Massa, Daniil Kvyat, entre outros.

Mini ainda não anunciou onde irá correr em 2020. Ele testou pela Prema na F4, onde poderá ser companheiro de Bortoleto, assim como tem a opção de continuar no kartismo por mais um ano. Seja onde for, ele já mostrou que tem todas as condições de ser competitivo e que está reunindo as condições certas (bom empresário, grandes equipes, fortes resultados) para ter uma carreira promissora no esporte a motor.

1) Caio Collet

foto de Caio Collet

Eu disse que voltaríamos a falar de Collet. O brasileiro terá em 2020 um ano decisivo em suas pretensões de um dia chegar à F1. Campeão da F4 Francesa em 2018, ele passou a última temporada sem conquistar nenhuma vitória na F-Renault Eurocup, onde competiu.

É verdade que o campeonato é bastante complicado para novatos, e Collet correu contra adversários que já tinham experiência no certame.

Mas agora não há desculpas. Ele renovou contrato com a equipe R-Ace, que levou o título de 2019 com o australiano Oscar Piastri, e antes disputará a Toyota Racing Series, em janeiro e fevereiro, na Nova Zelândia, como parte da preparação para buscar a taça no certame europeu.

O único problema para ele é que o francês Victor Martins, vice-campeão da Eurocup em 2019, também esteve nos treinos de pós-temporada e pode decidir ficar no campeonato por um terceiro ano consecutivo.

Três anos em um mesmo torneio para quem está em início de carreira pode não ser uma boa decisão para quem sonha com a F1, mas, no caso do francês, é melhor do que subir para uma F3 sem a certeza de ter à disposição um equipamento competitivo.

Você concorda com as minhas escolhas? Se achar que eu esqueci algum nome, basta deixar um comentário abaixo que ele poderá entrar nas próximas listas.

fotos do post: gregory lenormand/dppi/renault/divulgação, tony kart/divulgação, prema/divulgação, toyota/divulgação, liqui moly/divulgação, ksp/parolin/divulgação e dutch photo agency/fgcom/divulgação

Leia os textos do especial de fim de ano:
> As vitórias do Brasil em 2019 no automobilismo
> 2019 World of Motorsport Rookie of the Year
> Quiz Autosport 2019
> As agendas da velocidade de 2019
> 10 anos de World of Motorsport

3 comentários sobre “5 jovens promessas para ficar de olho em 2020

  1. No ranking dos pilotos brasileiros com mais vitorias no exterior em 2019, o Igor Fraga aparece em segundo lugar, junto com Sergio Jimenez, Rafa Matos e Gianluca Petecof. O primeiro com cinco vitorias foi Daniel Serra.

    Curtir

  2. Felipe, acho que vc esqueceu de mencionar o Igor Fraga, mas não o culpo pela omissão.
    O Igor segue um caminho totalmente diferente de todos pilotos brasileiros até então.
    Ele, apesar de sete vezes campeão no Japão e Campeão Asiático de kart ê desconhecido dos costumeiros frequentadores de Interlagos e Granja Viana, Copa Brasil e Brasileiro de Kart.
    Sem grana e sem patrocinio escolheu o caminho virtual para sobressair. E hoje e atraves do Gran Turismo representa o Brasil no exterior. Com 15 pontos ja conquistados na corrida para a super licenca, ele vai participar de dois campeonatos importantes esse ano: Toyota Racing Series na Nova Zelandia e o Campeonato Mubdial de Formula 3.

    A midia brasileira está longe de selecionar os bons pilotos pelo braço, preferem exaltar os pilotos pelo sobrenome ou pelo valor do seu patrocinador.

    Mesmo terminando o Campeonato em terceiro lugar na frente de sobrenomes conhecidos no cenário mundial, foi mencionado de forma miúda pela mídia brasileira. Como acompanho o Igor desde quando tinha 3 anos no Japão, percebo um reconhecimento crescente na midia internacional e tenho fé que um dia chegará ao Brasil.

    homens dos meninos, o bom piloto não recon

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s