Um Earnhardt na Toyota na Nascar

Fãs mais tradicionais da Nascar devem ter ficado chocados com a notícia da última semana: um Earnhardt vai pilotar para a Toyota em 2019.

Trata-se de Jeffrey Earnhardt, de 29 anos, sobrinho de Dale Jr e neto de Dale Earnhardt. Na próxima temporada, ele vai guiar o carro número 18 da equipe de Joe Gibbs em nove etapas da Xfinity, incluindo na abertura, em Daytona.

A estranheza acontece porque os Earnhardt são tradicionalmente ligados à Chevrolet. A marca – via GM – patrocinou Dale Sr. de 1988 até sua morte, em 2001, e Dale Jr nunca correu para outra montadora diferente em sua carreira.

Mas Jeffrey, o único representante dos Earnhardt que sobrou na Nascar após a aposentadoria de Dale Jr, no fim do ano passado, nunca contou com o apoio da marca americana.

Pelo contrário, das 75 provas de que participou na principal divisão do turismo americano, ele já dirigiu carros da Ford e da Toyota, além da própria Chevrolet. Pela montadora japonesa, ele esteve em dez etapas neste ano, com a pequena equipe Gaunt Bros, tendo o 25º lugar em Las Vegas como melhor resultado.

E foi pelo intermédio da Toyota que ele negociou com a Gibbs para correr em um dos melhores carros da Xfinity em 2019. Também ajudou Earnhardt contar com um patrocinador disposto a investir, afinal ele está literalmente pagando para andar no 18 no ano que vem.

A estratégia, aliás, não é nova. Foi o que fez Ryan Preece nos dois últimos anos. Considerado bastante promissor em divisões menores da Nascar, em 2017 o americano decidiu nunca mais andar por uma equipe pequena, fez um empréstimo bancário e pagou para ter uma chance na Gibbs.

Sua aposta foi certeira: venceu uma das corridas no ano passado e chamou a atenção de outros patrocinadores. Neste ano, terminou mais uma vez na primeira colocação e foi anunciado como substituto de A.J. Allmendinger na JTG, em 2019, na principal divisão da Nascar.

Não que este Earnhardt tenha a expectativa de um dia se tornar uma das estrelas da categoria. Mas com toda a certeza será muito bom para a Nascar ter um dos sobrenomes mais famosos de sua história podendo lutar por vitórias em uma de suas divisões.

Aí resta ver se haverá alguma diferença na audiência e no público nas corridas em que ele estiver presente e as demais.

Em tempo, Dale Jr usou as redes sociais para afirmar que tem espaço em sua equipe – também na Xfinity – caso seu sobrinho um dia queira correr por lá. Mas, segundo ele, Jeffrey optou por construir uma carreira com suas próprias pernas, sem depender somente do sobrenome famoso. Embora se chamar Earnhardt é sempre uma vantagem na hora de atrair patrocinadores.

Você pode clicar aqui para ver os resultados completos da Nascar no último fim de semana, assim como os das principais categorias do automobilismo mundial.

(sobre a foto: CC BY-SA 3.0, Link)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s