Sebastian Vettel F1 Ferrari 2018

Mercado de pilotos da F1 2019 – parte 2

Confira a segunda parte de como está o mercado de pilotos para a temporada 2019 da F1, em um momento em que muitas equipes devem trocar suas duplas.

Neste post, saiba as movimentações de Ferrari, Sauber, Haas, Red Bull e Toro Rosso.

FERRARI
2018: Sebastian Vettel e Kimi Raikkonen
2019: Sebastien Vettel, Kimi Raikkonen (?), Charles Leclerc (?)

A Ferrari é a prova de que tudo na F1 muda muito rápido. Após a primeira metade deste ano, parecia certo que Charles Leclerc seria promovido para a escuderia de Maranello no lugar de Kimi Raikkonen.

O plano tinha sido arquitetado por Sergio Marchionne, então presidente da Ferrari e da FCA, que também pretendia substituir o chefe de equipe, Maurizio Arrivabene, por Mattia Binotto.

Mas com a morte de Marchionne, no fim de julho, Louis Camilleri se tornou o novo CEO da Ferrari. Ele havia trabalhando junto com Arrivabene na Phillip Morris, e a tendência é que mantenha o italiano no comando do time.

Como Arrivabene é um dos defensores de Raikkonen, o finlandês deve garantir mais um ano de contrato. Faz sentido, apesar de estar longe da luta pelo título, Kimi é o segundo piloto com mais pódios neste ano: tem oito – um a menos que Lewis Hamilton.


SAUBER
2018: Charles Leclerc e Marcus Ericsson
2019: Charles Leclerc (?), Marcus Ericsson (?), Stoffel Vandoorne (?), Esteban Ocon (?), Kimi Raikkonen (?), Antonio Giovinazzi (?)

A Sauber é outra equipe afetada pela morte de Marchionne. Como o executivo detinha os cargos de presidente da Ferrari e da FCA, ele foi capaz de arquitetar o patrocínio da Alfa Romeo para a esquadra suíça, junto com a chegada de Leclerc.

Só que agora Michael Manley é o novo presidente da FCA, e já há rumores de que ele considera diminuir o investimento da Alfa na F1. Ainda assim, a tendência é que Leclerc continue na Sauber, caso não seja promovido para a Ferrari.

Se o monegasco subir, pode haver uma troca com Raikkonen, que retornaria à escuderia suíça, pela qual estreou na F1. Outra opção é Antonio Giovinazzi, da Academia da Ferrari, e que dependeria do dinheiro da Alfa Romeo.

Marcus Ericsson foi o comandante do segundo carro nas últimas quatro temporadas, até por ser protegido do dono da escuderia. Mas, segundo o site RaceFans, o chefe de equipe, Frederic Vasseur, já teria convencido seus superiores a desistir do sueco e a contratar Stoffel Vandoorne, caso o belga perca a vaga na McLaren para Esteban Ocon.


HAAS
2018: Romain Grosjean e Kevin Magnussen
2019: Kevin Magnussen (?), Romain Grosjean (?), Sergio Pérez (?), Charles Leclerc (?)

A Haas surpreendeu em 2018 e se tornou uma das melhores equipes da chamada F1 B, grupo que exclui Ferrari, Mercedes e Red Bull.

No entanto, a esquadra poderia ter muito mais que os 66 pontos obtidos até agora. Problemas mecânicos a prejudicaram, como no GP da Austrália, em que os dois pilotos abandonaram quando estavam no top-5, além de Grosjean ter voltado a cometer erros com frequência.

Assim, a melhora do tine atraiu o interesse de outros pilotos, e o mau momento de Grosjean pode acarretar mudanças para o ano que vem.

Por causa do processo de administração da Force India, Sergio Pérez chegou a ser especulado na Haas, mas a tendência agora é que ele renove com a equipe de Lawrence Stroll. Já Charles Leclerc pode chegar, caso a Ferrari prefira colocá-lo em um equipamento mais competitivo que a Sauber.

A Hass já afirmou várias vezes que não é um time júnior da Ferrari para desenvolver os jovens de Maranello, mas Leclerc pode ser uma oportunidade boa demais para deixar passar.

Por fim, Pietro Fittipaldi, antes do acidente em que quebrou as duas pernas, no WEC, negociou com a escuderia americana para fazer ao menos um teste. Ainda pode acontecer. Ele só não pode ser promovido para titular porque não tem os pontos necessários da superlicença.


RED BULL
2018: Daniel Ricciardo e Max Verstappen
2019: Max Verstappen e Pierre Gasly

Daniel Ricciardo já não tinha gostado quando, no fim do ano passado, a Red Bull escolheu primeiro renovar o contrato de Max Verstappen e não o dele. Depois, o time anunciou que terá motor Honda – considerado o mais fraco do grid – nas duas próximas temporadas.

Foi o suficiente para o australiano pegar sua bicicleta e ir embora. Ricciardo não estava disposto a ser segundo piloto nem a sofrer com um equipamento mais fraco. Por isso, depois de negociar com Ferrari, Mercedes e ter proposta da McLaren, aceitou se transferir para a Renault.

Ele será substituído por Pierre Gasly, que estreou na Toro Rosso no fim do ano passado, não tem marcado pontos frequentemente, mas já está acostumado com o propulsor da Honda.


TORO ROSSO
2018: Pierre Gasly e Brendon Hartley
2019: Brendon Hartley (?), Lando Norris (?), Dan Ticktum (?), Jean-Éric Vergne (?), Alex Albon (?)

A Toro Rosso é outro exemplo de como as coisas mudam rápido na F1. No começo do ano, a Red Bull fez uma proposta para a McLaren para ter Lando Norris no lugar de Brendon Hartley. Foi recusada.

Agora, com a saída de Riccirado e a promoção de Gasly, a tendência é que não só Hartley complete a temporada pela Toro Rosso mas também renove para 2019. Não há muitas pistas sobre quem será seu companheiro.

Atual líder da F3 Euro, Dan Ticktum não terá os pontos da superlicença mesmo que conquiste o título. Ele dependeria de participar – e vencer – algum campeonato de inverno para chegar aos 40 do requisito.

Enquanto isso, há rumores sobre um possível retorno de Jean-Éric Vergne à F1 depois de ele ter conquistado o título da Formula E, além de uma promoção de Alex Albon, atual terceiro colocado na F2.

Clique aqui para ler a primeira parte do mercado de pilotos da F1 2019, com Mercedes, Williams, Racing Point Force India, Renault e McLaren.

Pierre Gasly Toro Rosso F1
Foto: Alberto-g-rovi – Own work – CC2.0

Foto de destaque: Alberto-g-roviOwn work, CC BY 3.0, link

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s