sergio sette camara f2 hungaroring

É muita coincidência entre os brasileiros na F2 e GP2

Algumas coincidências marcam as últimas poles conquistadas por brasileiros na F2 (ou na GP2, como a categoria era chamada anteriormente).

A primeira é que desde 2011 cada piloto brasileiro – Luiz Razia, Felipe Nasr e Sergio Sette Câmara – só partiu da posição de honra uma única vez, excluindo, é claro, provas com o grid invertido.

Aliás, todas essas poles foram em Hungaroring – pista onde os representantes do país vêm tendo bons resultados em diversos campeonatos.

E todos eles terminaram em terceiro. Embora Nasr e Sette Câmara tenham perdido mais posições na corrida principal e ido ao pódio no domingo, na prova com o grid invertido.

Em 2011, pela Caterham, Razia teve um desempenho abaixo do esperado por ele durante a maior parte da temporada. O ponto positivo foi justamente largar na frente na Hungria.

Mas a liderança não durou muito. Na corrida, ele foi ultrapassado por Marcus Ericsson logo antes da primeira curva e, depois, perdeu a posição para Romain Grosjean na estratégia dos boxes. O sueco ainda acabou punido por bloquear justamente o brasileiro na saída do pit-lane, fazendo com que o francês ficasse com a vitória. Charles Pic superou Razia para ser o segundo, com o brasileiro completando o top-3.

Três anos mais tarde, Nasr obteve sua única pole na GP2, no auge da luta pelo título com Jolyon Palmer. O brasileiro, então na Carlin, nunca foi conhecido como brilhante em classificações, mas sempre compensou sendo um excelente largador. Ou seja, partir da posição de honra era a chance de obter ótimos pontos para o campeonato ou até mesmo a vitória, certo?

Errado. Nas duas corridas do fim de semana, ele foi ultrapassado por Palmer em duelos bastante emocionantes – e polêmicos. No sábado terminou em sexto e, no domingo, em terceiro. No pódio, o brasileiro acusou o adversário de não ter sido leal na disputa por posições e ouviu como resposta que estava chorando demais.

E neste fim de semana Sette Câmara obteve sua primeira pole na F2, mas uma corrida disputada em pista secando fez com que ele caísse da liderança para o quarto lugar. Na última volta, enquanto disputava o segundo posto com Lando Norris e Antonio Fuoco, tocou no italiano e foi punido em dez segundos, desabando para sétimo na classificação. Compensou no domingo, completando em terceiro.

Você pode clicar aqui para ver os resultados completos da F2 em Hungaroring, assim como os das principais categoria do automobilismo mundial no fim de semana.

Foto: James Gasperotti/Quick Comunicação/Divulgação

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s