Jejum de título para a nova geração dos Schumacher

Ainda não foi dessa vez que a nova geração da família Schumacher conquistou seu primeiro título no esporte a motor.

Filho de Ralf, David Schumacher chegou perto de levantar a taça na F4 dos Emirados Árabes, neste fim de semana. Na etapa decisiva do campeonato, em Abu Dhabi, o piloto precisava descontar uma diferença de pouco mais de dez pontos para o belga Charles Weerts em Dubai.

No entanto, o que aconteceu foi o domínio completo do adversário. Weerts conquistou duas poles e ganhou as quatro baterias da etapa – incluindo as duas com o grid invertido – para ser campeão.

Schumacher, de 15 anos, ainda chegou em sexto – de oito carros – na segunda bateria, para acabar de vez com suas aspirações ao título. No fim, Weerts terminou com 377 pontos, contra 325 do germânico, que não participou da primeira etapa do campeonato, realizada no fim do ano passado, em Abu Dhabi.

Ainda assim, o filho de Ralf somou 16 pódios na campanha, um bom número ainda mais por se tratar de seu primeiro campeonato desde que trocou o kartismo pelos monopostos, em janeiro.

No caso de David, o jejum de títulos foi formado principalmente do kartismo. Seu principal resultado foi o vice do campeonato alemão no ano passado – o vencedor foi Dennis Hauger, agora piloto do Red Bull Junior Team.

Mick Schumacher, primo de David e filho de Michael, de 18 anos, também foi vice no kartismo alemão, em 2014, além de ter obtido segundos lugares no europeu e no Mundial de kart, naquela temporada. Dois anos depois, ele foi vice na F4 Alemã e na F4 Italiana, além de ter sido o terceiro no MRF Challenge, no começo do ano passado.

Mas ainda é cedo para que os dois se preocupem. Ralf, por exemplo, só conquistou seu primeiro título da carreira aos 21 anos, na F-Nippon, hoje chamada de Super Formula, no Japão. No ano anterior, ele havia triunfado no GP de Macau. E depois teve uma carreira duradoura na F1.

Quanto a Michael, bom, títulos não faltaram para ele. Além do hepta na F1, levou o da F-Koenig, na Alemanha – em 1988, logo no primeiro ano em que fez a transição do kartismo para os monopostos-, o da F3 Alemã e do GP de Macau de F3, em 1990.

Você pode clicar aqui para ver os resultados completos da F4 dos Emirados Árabes, em Abu Dhabi, além do que aconteceu nas principais categorias do automobilismo mundial neste fim de semana.

EM TEMPO: Caio Collet foi o representante brasileiro na F4 UAE. Disputou duas etapas, obteve duas poles e uma vitória.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s