Senna na McLaren, de novo

Small-67492016_Blancpain_Endurance_Rd3-1394
Bruno Senna e Pipo Derani vão competir com uma McLaren em Spa

Não dá para negar que há certo ar de nostalgia em qualquer notícia que ligue o sobrenome Senna à McLaren. Dessa vez, entretanto, esse sentimento vai durar por um pouco mais que aquelas manhãs de domingo.

É que o brasileiro, ao lado do compatriota Pipo Derani, foi escalado pela equipe Garage 59, que conta com apoio de fábrica da McLaren, para disputar as tradicionais 24 Horas de Spa-Francorchamps, uma das principais provas de carros GT do mundo.

A corrida está marcada para o último fim de semana do mês de julho, e os dois brasileiros vão dividir o comando da terceira McLaren do time com o britânico Duncan Tappy.

É verdade que essa não é a primeira passagem de Bruno Senna pela McLaren. Além de ter participado de exibições com o carro do tio, também competiu na Blancpain Endurance Series (campeonato para qual as 24h de Spa valem pontos) no ano passado com uma McLaren da equipe Von Ryan.

O time era inscrito por Dave Ryan, que deixou os carros GT para voltar à F1 como diretor da Manor. E Senna partiu da categoria rumo ao WEC, onde corre na LMP2.

Com a saída da Von Ryan, a McLaren criou a Garage 59 para continuar nas competições de GT em 2016. Vem dando certo. As últimas duas etapas da Blancpain Series, em Paul Ricard (Endurance) e, neste fim de semana, em Nurburgring (Spirnt) foram vencidas pelo time, sempre com o veterano Rob Bell no comando.

Você, aliás, pode clicar aqui para ver os resultados completos da categoria em Nurburgring, neste fim de semana, além do que mais aconteceu nos principais campeonatos do mundo.

Senna e Derani, portanto, terão à disposição um equipamento capaz de obter um bom resultado, ainda que estejam um pouco atrás dos adversários por não disputarem o campeonato de forma completa.

A McLaren também vai tendo um 2016 histórico para seu programa de GT, com vitórias nas 12 Horas de Bathurst, na Austrália, e em algumas etapas da Pirelli World Challenge, com Álvaro Parente.

Além de ser interessante ver um Senna de volta à McLaren, a presença de Pipo Derani chama a atenção. É o brasileiro conquistando espaço no automobilismo europeu após os bom desempenho que vem tendo nas corridas de longa duração, no WEC e na IMSA.

Ele venceu as 24 Horas de Daytona e as 12 Horas de Sebring, no começo do ano, mas abandonou neste fim de semana as 6 Horas de Watkins Glen.

Rodrigo Baptista (que subiu ao pódio em Paul Ricard) e Sergio Jimenez também disputam a temporada completa da Blancpain Series e devem estar em Spa-Francorchamps.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s