Uma bandeira amarela a cada 20 minutos na Nascar 2016

Melhor acostumar a ver as bandeiras amarelas na Nascar
Melhor acostumar a ver as bandeiras amarelas na Nascar

A Nascar anunciou nesta terça-feira, dia 19, mudanças profundas nas regras da Xfinity e da Truck Series. Já valendo para 2016, as duas categorias vão ter um Chase eliminatório, similar ao da Sprint Cup, enquanto a segunda também contará com uma bandeira amarela programada a cada 20 minutos de bandeira verde em suas provas. O vídeo lá embaixo explica como será essa nova regra.

A pausa programada da Truck Series, claro, foi recebida com polêmica, embora eu acredite que a maior parte das críticas vem de quem não assiste à Nascar ou raramente acompanha uma corrida e acha absurdo esse tipo de interferência.

Quem segue a categoria mais de perto sabe da existência das bandeiras amarelas fantasmas. Isto é, geralmente quando a transmissão televisiva vai para o intervalo “coincidentemente” o safety-car é acionado devido a detritos na pista. Como os detritos nunca são mostrados, há quem acredite que essas pausas são fabricadas para dar mais emoção.

Assim, com o relógio de 20 minutos, o que a Nascar está fazendo é dar um pouco mais de transparência às disputas, determinando de antemão que haverá, sim, interrupções nas corridas para agrupar o pelotão.

Transparência não faz mal a nenhuma categoria, então é bom que a Nascar admita esse tipo de prática e deixe claro quando estiver acontecendo.

O teste, por enquanto, será na Truck Series, a divisão que menos precisava desse tipo de artifício. Só quando Kyle Busch resolve correr (e ele não tem nenhuma corrida marcada para 2016 até o momento) que a prova fica menos emocionante.

Talvez devessem adotar o relógio da bandeira amarela na Xfinity, junto com relargadas com três carros lado a lado e grid invertido. Seria uma boa oportunidade de dar alguma emoção a essa categoria.

Ainda sobre o relógio da bandeira amarela, um erro comum é achar que essa é uma canetada da Nascar. Na verdade, alguns campeonatos menores dos EUA têm regulamento parecido, com as interrupções acontecendo de tempos em tempos para reagrupar o pelotão e permitir que os competidores se dirijam aos boxes.

Os próprios pilotos da Sprint Cup, como o atual campeão Kyle Busch, já haviam sugerido a implantação do relógio para evitar que, em corridas pouco emocionantes, algum detrito surgisse faltando menos de duas voltas para o fim e atrapalhando uma vitória considerada certa.

No fim, o relógio da Nascar, junto com o Chase eliminatório e o Lucky Dog, faz parte de um pacote de interferências no ritmo normal de uma corrida para tentar dar mais emoção. Como as outras medidas ensinaram, está tudo bem enquanto as corridas estiverem sendo boas.

Confira no vídeo abaixo como é a regra do relógio da bandeira amarela:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s