Demorou para Esteban Ocon receber a bandeira quadriculada na primeira bateria da GP3
Demorou para Esteban Ocon receber a bandeira quadriculada na primeira bateria da GP3

A GP3 teve um dia de Nascar neste sábado, dia 22, na Bélgica.

A primeira bateria da categoria foi marcada pelas diversas intervenções do virtual safety-car. A última delas aconteceu faltando menos de cinco minutos para o fim, devido ao acidente entre os pilotos Matheò Tuscher e Sandy Stuvik.

Como a pista foi liberada restando apenas alguns segundos para o tempo se esgotar, nem mesmo os pilotos esperavam uma nova relargada, e a tendência era que a disputa terminasse ainda em bandeira amarela.

Assim, alguns competidores foram pegos de surpresa com a bandeira verde. Líder do campeonato, Luca Ghiotto, que ocupava a segunda colocação, não tracionou a tempo e foi superado por Emil Bernstorff.

Já o líder Esteban Ocon não teve o mesmo problema. O francês manteve o ritmo, completou a volta em bandeira verde sem problemas e apontou na reta para receber a bandeira quadriculada com o tempo já esgotado. O problema é que ela não foi acenada, obrigando os competidores a darem ainda mais um giro pelo longo traçado belga.

Ocon, no fim, completou a volta extra e, enfim, recebeu a bandeirada na frente. Como a corrida teve praticamente dois giros a mais, lembrou a prorrogação da Nascar, chamada de Green-White-Checker, em que a categoria norte-americana estende a prova em duas voltas para que não termine atrás do safety-car.

No entanto, Ocon foi punido com o acréscimo de cinco segundos no seu tempo de prova por ter sido flagrado acima do limite de velocidade durante o virtual safety-car. Assim, Bernstorff herdou a vitória.

Caso as regras da Nascar tivessem sido aplicadas também nesse momento, Ocon teria sido mantido como vencedor após a punição, embora acabasse perdendo pontos no campeonato.

Como o regulamento da GP3 determina o acréscimo no tempo e, consequentemente, as mudanças de posições, Ocon caiu para vice-liderança, acumulando o quarto dos cinco segundos lugares consecutivos na categoria.

Evidentemente, após a prova deste domingo, ele também ocupa a segunda colocação na tabela, 28 pontos atrás de Ghiotto. A próxima etapa da GP3 acontece nos dias 5 e 6 de setembro, em Monza.

Você pode clicar aqui para ver os resultados completos da GP3 na Bélgica, assim como os das principais categorias do automobilismo mundial neste fim de semana.