Vandoorne imbatível na GP2 2015

Stoffel Vandoorne levou a McLaren à primeira vitória com o novo layout
Stoffel Vandoorne levou a McLaren à primeira vitória com o novo layout

Bastou a McLaren mudar o layout dos carros para conquistar a primeira vitória com o novo esquema de pintura.

Obviamente, não foi na F1. Enquanto Fernando Alonso e Jenson Button não conseguiram levar a escuderia inglesa ao Q3 do treino classificatório do GP da Espanha, Stoffel Vandoorne, o reserva da equipe, dominou a etapa da GP2 em Barcelona neste sábado, dia 9.

Após conquistar o recorde de seis poles seguidas, o belga teve dificuldades durante a prova. Ele havia largado com o pneu macio e precisou parar mais cedo que os adversários. Alexander Rossi e Mitch Evans estavam em uma estratégia diferente e conseguiram se aproximar do piloto da ART, mas não conseguiram grudar o suficiente para tentar a ultrapassagem.

Com o segundo triunfo em duas etapas, Vandoorne chegou aos 72 pontos, 27 a mais que Rio Haryanto, o vice-líder na tabela. Se mantiver o ritmo das etapas iniciais, o belga deve caminhar rumo ao título sem grandes sustos.

Dois fatores contribuem para esse favoritismo. O primeiro é que Vandoorne é um piloto melhor que o resto do grid. Desde que estreou nos monospostos, sempre brigou por títulos, mesmo quando foi novato nas categorias.

No fim do ano passado, escrevi aqui no World of Motorsport que a McLaren havia errado ao manter Jenson Button e não tê-lo promovido. Não faz sentido ele disputar a GP2 quando já está pronto para a F1.

O outro fator é a sorte. O mercado de pilotos foi bastante favorável ao belga. A Dams, que venceu três títulos nos últimos quatro anos, resolveu abandonar a aposta em veteranos e tem um novato (Alex Lynn) e um piloto com apenas meia temporada de experiência (Pierre Gasly) a bordo.

Um dos mais experientes do grid, Mitch Evans viu a Russian Time trocar a operação da iSport pela menor Virtuosi UK, vinda da Auto GP, em 2015. A Carlin teve Felipe Nasr subdindo à F1 e trouxe o menos empolgante Marco Sorensen para o lugar. E mesmo Raffaele Marciello, outro novato de destaque em 2014, trocou a poderosa Racing Engineering pela Trident.

Como essas novas parcerias requerem um tempo de adaptação, Vandoorne vai aproveitando as etapas iniciais para vencer e marcar pontos importantes na briga pela taça.

Ocon venceu na estreia na GP3
Ocon venceu na estreia na GP3

GP3

A ART pode conquistar o título tanto da GP2 quanto da GP3 em 2015. Enquanto Vandoorne domina na categoria maior, Esteban Ocon venceu a primeira bateria da etapa de Barcelona da GP3 sem dar chances aos adversários.

Ele cruzou a linha de chegada com mais de 3s de vantagem para Luca Ghiotto, em uma prova que teve a entrada do safety-car.

Ocon, que contava com ar limpo na liderança, também soube dosar o gasto dos pneus e não sofreu com o mesmo problema de degradação da borracha que outros competidores. No entanto, ainda é cedo para apontar o atual campeão da F3 Europeia como favorito único ao título.

World Series by Renault

Também correndo com o layout (antigo) da McLaren, Nyck De Vries não deu sorte há duas semanas na World Series by Renault. Ele estava na liderança da segunda bateria de Aragón, mas era pressionado por Matthieu Vaxivière, da Lotus. Na penúltima curva da última volta, o francês foi feroz e tomou a ponta como uma senhora ultrapassagem.

Em tempo, De Vries deveria ter sido punido por ter tentado jogar o carro no rival.

Veja abaixo a disputa entre os dois pilotos:

Você pode clicar aqui para ver os resultados completos da GP2 e das principais categorias do automobilismo mundial neste fim de semana.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s