A volta da F2?

Será essa a cara da nova F2?
Será essa a cara da nova F2?

O Conselho Mundial da FIA deu luz verde na última sexta-feira, dia 20, para a nova F2.

A intenção da entidade mundial em reorganizar o campeonato acabou vazando no fim do ano passado. Na ocasião, o ranking de pontos para obter a nova superlicença apontava a F2 – extinta – como torneio mais importante.

Ao mesmo tempo, Stefano Domenicali, responsável da FIA pelas categorias de base, começou a trabalhar para viabilizar a F2. O Conselho Mundial ficou satisfeito com o que viu até agora e espera que o antigo chefe da Ferrari apresente um projeto mais detalhado em julho, na nova reunião do conselho.

E quem está interessa na nova categoria é a Renault. A montadora francesa foi a principal perdedora com a nova superlicença ao ter a World Series e as F-Renault distribuindo menos pontos que F3 Euro e F4, respectivamente.

Ao invés de se abater, a fabricante procurou a FIA para negociar a organização do novo campeonato. Durante o Salão de Genebra, no começo do mês, o CEO da Renault Sport, Patrice Ratti, confirmou a intenção de transformar a WSR na nova F2, mas desde que as F-Renault sejam mantidas.

No ano passado, a Renault anunciou a renovação de contrato da World Series com diversos fornecedores, como Elf e Michelin, por três temporadas, até 2017.

Diversas equipes da World Series também fazem parte da GP2, como Arden, Carlin e Dams, o que pode acelerar o processo, caso a Renault seja escolhida para organizar a nova versão da F2.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s