Felipe Guimarães correrá para a equipe de Amir Nasr
Felipe Guimarães correrá para a equipe de Amir Nasr – foto de bruno terena/vicar

Último campeão da F3 Sudamericana, Felipe Guimarães está de volta ao tour da Vicar. Depois de dominar a categoria no ano passado, o piloto radicado em Brasília não conseguiu ficar muito tempo longe do certame e vai poder matar a saudade da equipe Hitech e dos demais times da categoria, neste fim de semana no Velopark.

A única coisa é que esse momento social vai durar apenas a hora do almoço, além de um cafezinho aqui e outro ali. Dentro da pista a história é outra. Enquanto a F3 disputa a sexta etapa da temporada, Guimarães vai estrear no Brasileiro de Marcas, pilotando um dos Ford Focus da escuderia de Amir Nasr.

Coincidentemente, Felipe poderá ver Pedro Piquet se tornar o sucessor na conquista da taça da F3. O brasiliense lidera a tabela com 139 pontos, tendo 58 de vantagem para Bruno Etman e 63 para Lukas Moraes. Para ser campeão, ele precisa deixar o Rio Grande do Sul com uma diferença de 61 para os outros competidores.

Voltando a Guimarães, embora esteja de olho em disputar as últimas três etapas do ano, o piloto ainda não decidiu se vai trocar os monopostos pelos carros de turismo. Neste ano, Felipe assinou com a Double R para competir na F3 Europeia, mas acabou deixando a escuderia após uma sequência de maus resultados.

Levando em conta os bons resultados, tanto na Europa quanto nos Estados Unidos, não há dúvidas que o Brasileiro de Marcas ficará com o grid ainda mais fortalecido caso o piloto opte por definitivamente mudar o foco na carreira. Só é uma pena para os campeonatos de monopostos, já que ele é um dos nomes que pode iniciar a cada vez mais postergada renovação dos brasileiros nos diversos certames.

E um último detalhe curioso. Neste fim de semana, Guimarães se junta a Vitor Meira no time de Amir Nasr, formando uma escuderia 100% brasiliense. A única coisa é que nem Felipe, nem Amir nasceram na capital federal. Ambos são de Anápolis, cidade no estado de Goiás, mas se mudaram para o DF, desde pequenos, onde cresceram e se destacaram.

Outras novidades nos grids deste fim de semana no Velopark são a presença de Beto Cavaleiro, em um Mitsubishi da equipe MMX, e o retorno de Victor Côrrea ao automobilismo brasileiro. O campeão da extinta F-SP venceu uma das divisões do campeonato europeu de protótipos (Radical) no ano passado e agora estreia na Mercedes Challenge, por um time apoiado pela Amir Nasr.