Lukas Moraes correrá pela Prop Car em 2014
Lukas Moraes correrá pela Prop Car em 2014

Ainda falta um mês para o início da temporada 2014 da nova F3 Brasil, e a categoria vem tentando montar um grid mais competitivo que o dos últimos anos – quando ainda era chamada de Sudamericana.

Embora poucos pilotos já tenham sido oficialmente confirmados, a mudança vem começando a mostrar resultado. É que alguns nomes famosos do automobilismo brasileiro acertaram o retorno ao certame. O primeiro foi o da família Piquet, que terá Pedro, de apenas 15 anos, correndo pela Cesário, conforme revelou o jornalista Americo Teixeira Jr.

Quem também estará de volta à categoria é a tradicional equipe Prop Car, de propriedade de Darcio dos Santos. O time fez parte da história da F3 Sudamericana – tendo levado Bruno Junqueira ao título de 1997 –, mas estava afastado das competições desde 2010, participando apenas de algumas sessões de treinos e de F3 Brazil Open desde então.

Aliás, no Brazil Open deste ano, fiz uma entrevista com o próprio Darcio dos Santos e ele disse que estava no evento para mostrar aos jovens pilotos que tinha um equipamento competitivo. Para isso, ele havia contratado o veterano Fernando Galera. A tática deu certo no primeiro dia, com o piloto ganhando a bateria inicial. No entanto, um problema mecânico impediu que Galera participasse da corrida final.

Só que esse contratempo não impediu os planos da Prop Car. Nesta quinta-feira, dia 6, o time anunciou participação na F3 Brasil ao fechar com Lukas Moraes, que disputou a F-Abarth no ano passado.

O acerto com Moraes também atende a um desejo do dono da Prop Car de contar com um piloto com certa bagagem no automobilismo internacional, ao invés de começar com um estreante. Prova disso é que o garoto vai competir na divisão principal da F3, ao contrário do Brazil Open, onde tanto Moraes quanto Prop Car foram adversários na Light.

A última vez que a escuderia havia disputado um campeonato completo foi em 2009, com Igor Veras e Nilton Molina. Cada um conquistou dois pódios naquele ano, com o piloto goiano terminando em sexto na classificação final.

Em 2010, a Prop Car inscreveu carros para Molina, Guilherme Camilo, Daniel Politzer e Guilherme Lago, mas cada um tomou parte de apenas algumas rodadas. Mesmo assim, Molina conquistou uma vitória e outros três pódios na divisão principal, enquanto Politzer subiu ao pódio em três oportunidades na divisão Light.

Além de Moraes e Piquet, o outro piloto já oficialmente anunciado na F3 Brasil é Matheus Iorio, que correrá pela Hitech.