Billy Boat Motorsports

Billy Boat conquistou o recorde de cinco poles seguidas na Indy
Billy Boat conquistou o recorde de cinco poles seguidas na Indy

Billy Boat não foi exatamente um piloto de destaque na história da Indy. Como muitos na mesma época, o americano começou a carreira nos midgets antes de tentar a sorte nos monopostos. Assim, com o bom desempenho nos carros menores, ele conseguiu uma vaga na Indy – IRL – onde competiu de 1996 a 2003.

Nesse período, Boat não teve o sucesso que esperava. Mesmo andando pela equipe Foyt – campeã de 1996 e 1998 – o americano jamais se colocou em posição de conquistar a taça. O melhor desempenho veio em 98. Naquele campeonato, o piloto conquistou seis poles, incluindo para a Indy 500 e o recorde posterior de cinco seguidas, mas só conseguiu uma vitória, no Texas, quando ironicamente quando não largou na frente.

Por causa dessa inconstância de resultados, o piloto fechou o ano apenas em 13º na tabela de pontos e viu o companheiro de equipe, Kenny Brack, ser campeão. Depois, mesmo com a ida do sueco para a Champ Car, jamais conseguiu repetir os bons resultados e conquistou mais três pódios antes de encerrar a carreira.

A última temporada completa que disputou foi em 2002, quando se tornou sócio de equipe formada pela parceria dos times Beck e Agajanian. Mostrando a mesma velocidade – e inconsistência – de antes, ele conseguiu levar o carro número 98 ao sétimo lugar no Texas como melhor resultado, além de uma pole-position de despedida em Nashville.

Desde então, Boat fez uma última aparição na Indy 500 de 2003 e passou a se dedicar à própria empresa de produção de escapamento, além de acompanhar a carreira do filho, Chad.

Mas Chad Boat não quis seguir os passos do pai
Mas Chad Boat não quis seguir os passos do pai

O garoto até começou dando os mesmos passos do pai e competindo em ovais menores dos EUA. No entanto, ele logo percebeu que queria outra coisa da vida. Ignorando o histórico de Billy nos monopostos, o jovem da família acabou optando pelo caminho da Nascar, tendo já passado por certames menores como a Arca e Nascar East e West.

O próximo passo da carreira de Chad será a Nationwide, em 2014. No campeonato de acesso, o piloto de 21 anos vai disputar pelo menos 15 etapas neste ano, com a estreia marcada justamente para o oval do Texas, onde o pai conquistou a única vitória da carreira em uma categoria top.

A boa notícia é ver que a Nationwide, mesmo dominada por Penske e Joe Gibbs nos últimos anos, ainda consegue atrair novas equipes. A má notícia é que a Indy também passa por uma situação em que precisa conquistar novos times, portanto não é bom ver alguém com história no campeonato investir em outro lugar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s