Aniversariante campeão?

Max Verstappen tem tudo para ser o primeiro piloto campeão da F1 no próprio aniversário
Max Verstappen tem tudo para ser o primeiro piloto campeão da F1 no próprio aniversário

Quem acompanha o World of Motorsport há algum tempo já sabe que hoje é o dia mais importante do ano. Nesta segunda-feira, dia 30, estrategicamente posicionada entre os GPs de Cingapura e da Coreia do Sul, comemoro meu aniversário. Também acho um absurdo que ainda não declararam feriado mundial nesta data e espero que isso aconteça em breve.

Mas como não é feriado, então hoje tem post por aqui. Nos últimos anos, mostrei aqui no blog uma trilogia comemorativa. Falei sobre os pilotos que venceram corridas no próprio aniversário, depois sobre aqueles que foram campeões no próprio aniversário e, no ano passado, os que foram campeões justamente no meu aniversário.

Hoje a história é um pouco diferente. Venho aqui para contar a história de um piloto que poderá, num futuro não muito distante, ser campeão tanto no próprio aniversário quanto no meu aniversário. Evidentemente, falo de alguém que também está ficando mais velho neste 30 de setembro: Max Verstappen, com 16 anos recém-completos.

Ao contrário de mim, o filho do ex-piloto de F1 Jos Verstappen tem tudo para dar certo na vida. Além do pai famoso, o holandês tem sido o nome dominante nos últimos anos do kartismo mundial, vencendo praticamente tudo o que disputou nas categorias KF3, KF2, KF e KZ. Em outras palavras, ele só não ganhou o Brasileiro de Kart porque nunca competiu por aqui, mas em todos os outros campeonatos foi o primeiro colocado.

Por causa disso, é evidente que as equipes já estão de olho nele nessa expectativa da transição para os monopostos. No início deste ano, Max disse que ia aproveitar 2014 para treinar com carros de F-Renault e só competir no ano seguinte. Mas o piloto já andou testando com as máquinas e nada o impede de antecipar os planos.

Fazendo um exercício de adivinhação, se Verstappen estrear nos monopostos no ano que vem, então podemos colocar 2019, quando ele tiver 21 anos, como uma meta razoável para entrar na F1.

Verstappen tem sido o grande nome do kartismo nos últimos anos
Verstappen tem sido o grande nome do kartismo nos últimos anos

O holandês, assim, só vai ter uma única chance de ser campeão no dia do aniversário. Será em 2029, quanto estiver na 11ª temporada da carreira. Isso trabalha a favor de Verstappen, afinal, ele terá tempo de se destacar por times menores, conseguir transferência para uma equipe grande e estar no auge da carreira.

E isso será fundamental para as pretensões de ser campeão em setembro. Basta lembrar que Sebastian Vettel jamais confirmou um título tão cedo.  Ou seja, o holandês vai precisar no mínimo de um desempenho comparável ao de Michael Schumacher. Ou então torcer para Bernie Ecclestone povoar a primeira metade do calendário da F1 e deixar a parte final do ano com poucas etapas.

O dirigente, aliás, vai precisar dar outra mãozinha para o holandês nesta tarefa. É que este fim de semana de fim de setembro e início de outubro historicamente não tem corridas, pois marca o fim da temporada europeia de automobilismo, com diversos campeonatos chegando ao fim. Mas como Bernie parece estar em uma cruzada por mais, corridas, então isso não deve ser um problema.

Também é necessário dizer que outras variáveis podem entrar em jogo. Por exemplo, o dia 30 de setembro de 2028 cai num sábado. Ou seja, Verstappen poderá ser campeão da F1 caso o adversário da luta pelo título não consiga se classificar para a prova. É improvável, eu sei, mas depois de tudo o que foi dito até aqui, o que não é?

Jos Verstappen deve estar em festa hoje
Jos Verstappen deve estar em festa hoje

Só que a situação de o holandês ser campeão num próprio aniversário pode acontecer muito anos dele chegar à F1. O próximo 30 de setembro que cai em um domingo é em 2018. Segundo aquela conta inicial, vai ser o último ano de Max nas categorias de base. Assim, nada o impede de conquistar o título da World Series by Renault nessa data.

E provavelmente deverá haver uma corrida no fim de semana do fim de setembro. É que ontem a categoria esteve em Paul Ricard, na França, que é a etapa casa da Renault. Portanto, enquanto a montadora mantiver o campeonato, esta data continuará a existir.

As chances de Verstappen aumentam se olharmos o que aconteceu ontem. Kevin Magnussen, da Dams, só não foi campeão porque acabou desclassificado da primeira bateria por causa de um erro da equipe francesa na hora de pintar a asa traseira móvel. Assim, nada impede que, daqui a cinco anos, o time já tenha aprendido a lição.

E sabe o que aumenta as chances de título em 30 de setembro de 2018? É que, como eu já disse, Max Verstappen é filho de Jos Verstappen. O holandês, quando estava na F1, foi companheiro de equipe de Rubens Barrichello na Stewart em 1998 ao substituir, veja só, Jan Magnussen, que é pai de Kevin. Será só coincidência? Eu acho que não.

2 comentários sobre “Aniversariante campeão?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s