Esse aí é o tal do Ape Racing
Esse aí é o tal do Ape Racing

Quando você acha que já viu de tudo no automobilismo, eis que surge alguma coisa ainda mais bizarra. Uma das mais estranhas que eu já vi é chamada de Ape Racing, um campeonato entre triciclos (!) que é disputado na Europa.

Um dos torneios acontece na Inglaterra, no kartódromo de Rye House, que recebe todas quatro etapas da temporada. Com um custo de apenas £6 mil, o piloto, digamos assim, pode competir nas quatro corridas de duas horas de duração (!!).

Os carros atingem no máximo 40 mph, cerca de 60km/h, possuem motor com um único cilindro e movidos a gasolina.

Para 2013, a ideia é expandir o campeonato para outros kartódromos do Reino Unido, mas mantendo o cuidado de não fazer os custos estourarem. Assim, os organizadores ainda vão poder manter a qualidade do grid, ou algo assim.

Na Itália, por sua vez, o campeonato é um pouco mais desenvolvido. Terra natal do Ape, a Velha Bota tem torneios com os triciclos modificados, alcançando velocidades um pouco maiores em pistas de qualidade questionável.

No final das contas, o Ape Racing parece um campeonato divertidíssimo de ser ver. Mas apenas durante alguns minutos no YouTube. Os triciclos também parecem legais de pilotar, mas é só isso. Nada que vá mudar o mundo. Abaixo você pode conferir um vídeo do Ape Racing em ação na Itália.

P.S: para ver a outra bizarrice do automobilismo, o vídeo do retorno de Justin Lofton à equipe de Eddie Sharp, na Nascar, basta clicar aqui.