Vingando a pátria

Victor Franzoni conquistou a primeira pole-position de um brasileiro na F-Renault desde André Negrão, em Aragon, em 2009

Na última semana, Gabriel Casagrande esteve perto de fazer história na F-Renault Norte-Europeia (NEC). Quase que o piloto paranaense se tornou o primeiro brasileiro a largar na pole-position na história do certame, na etapa disputada no Red Bull Ring.

Na verdade, Casagrande realmente foi o mais rápido no primeiro treino livre da rodada austríaca, mas acabou perdendo o direito de largar na posição de honra, pois uma bandeira amarela foi acionada no momento em que completou a volta rápida. Assim, a direção de prova cancelou o melhor tempo do brasileiro, que foi obrigado a se contentar com a sua segunda melhor marca.

No entanto, o desempenho de Gabriel foi tão bom, que mesmo com a segunda melhor volta ele pôde largar na primeira fila, ficando atrás apenas do espanhol Alex Riberas.

Gabriel Casagrande foi mesmo obrigado a se contentar com o segundo lugar no grid

Só que a história não parou por aí. Enquanto Casagrande seguiu neste final de semana com o restante da caravana da F-Renault NEC para a disputa da etapa de Most, na República Tcheca, foi a vez de a versão Alps da F-Renault chegar ao Red Bull Ring para a quinta rodada da temporada de 2012.

Aí não teve jeito. Depois de uma semana, finalmente um brasileiro conseguiu largar na frente no autódromo austríaco. O responsável pelo feito foi Victor Franzoni, que pôde vingar, digamos assim, Casagrande e garantir o direito de sair na posição de honra. A façanha aconteceu neste sábado, dia 1º, quando o piloto paulista marcou o tempo de 1min40s503 e superou Alex Albon por respeitáveis 0s72.

Essa, obviamente, é a primeira pole-position de um brasileiro na F-Renault Alps, mas vale lembrar que esse é apenas o segundo ano de existência do campeonato e, em 2011, nenhum piloto do país competiu de forma integral na categoria.

Voltando a Franzoni, esse foi um resultado bastante expressivo, já que o garoto perdeu a última etapa porque ainda estava se recuperando de um grave acidente sofrido em Spa-Francorchamps. Maldades à parte, dá para dizer que o acidente deixou o brasileiro ainda mais afiado.

Para encerrar, quem se deu melhor nessa briga brasileira no Red Bull Ring foi Gabriel Casagrande. Embora não tenha conseguido largar na posição de honra, o paranaense terminou a prova na terceira colocação e garantiu o primeiro pódio da carreira na Europa. Neste sábado, Franzoni terminou em quarto e quase conseguiu repetir o resultado do compatriota. Apesar disso, o garoto terá uma nova chance neste domingo, já que novamente larga da primeira colocação do grid.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s