A decisão da Nascar em Homestead-Miami

Tony Stewart
Tony Stewart pôde comemorar o terceiro título na Nascar depois de vencer o duelo contra Carl Edwards

A etapa de Homestead-Miami, realizada no dia 20 de novembro, talvez tenha sido uma das corridas mais disputadas da história da Nascar, sem contar as provas em Daytona e Talladega.

E mesmo que não tenha sido uma das provas mais emocionantes de todos os tempos, ao menos garantiu o final de campeonato mais acirrado. Pela primeira vez na Nascar, dois pilotos terminaram o ano empatados no número de pontos. Tony Stewart só garantiu o tricampeonato em cima de Carl Edwards por conta dos critérios de desempate – o número de vitórias.

Apesar de o campeonato ter terminado empatado, não foi essa a sensação que os torcedores tiveram, afinal o título foi literalmente definido na pista. Tony Stewart venceu e Edwards terminou em segundo, em uma corrida que ambos duelarem do início ao fim.

O título foi definido a partir de um lance de sorte no final da prova. Darian Grubb, então mecânico-chefe de Stewart, optou por levar o carro de número 14 a uma tática de economia de combustível, algo similar à utilizada por Dario Franchitti no primeiro título da Indy correndo pela Ganassi.

Analisando a corrida, é possível imaginar que a aposta de Grubb em forçar a economia de combustível não se deu somente por conta do perigo da chuva nem a uma aposta ao acaso. A tática era devolver Stewart à pista à frente do rival, por isso ele faria uma parada a menos, mesmo que em algum momento isso pudesse custar desempenho.

O posicionamento passou a ser fundamental na disputa pelo título, já que em toda a prova houve uma única ultrapassagem envolvendo os dois concorrentes. Foi no 4-wide, quando Stewart só conseguiu passar Edwards, porque este estava preso no tráfego.

Enquanto Stewart ficava na pista por conta da tática, todos os outros adversários foram aos boxes e voltaram à prova muito mais rápidos por conta dos pneus novos. O piloto, então, fez a parada e caiu para a nona colocação. Duas voltas mais tarde, começou a chover, obrigando todo mundo a retornar ao pit-lane. Menos Stewart.

O piloto do carro número 14 relargou em terceiro, enquanto Edwards era o quinto. Como os dois não tiveram mais um duelo direto. Stewart levou o tricampeonato.Vale ressaltar, também, que no final da corrida Stewart levou vantagem por ter trocado quatro pneus pouco antes da chuva e Edwards ter mudado apenas dois, para garantir posição de pista. Com dois pneus contra quatro, ficou difícil para o piloto da Ford.

A história da prova – e os bastidores de antes da corrida – você vê no vídeo abaixo:

Um comentário sobre “A decisão da Nascar em Homestead-Miami

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s