As consequências do acidente do Texas para Kyle Busch

Kyle Busch
Kyle Busch sempre deixa um rastro de confusão por onde passa

A Nascar só deve se pronunciar nesta terça-feira, dia 8, sobre outras penalizações que Kyle Busch pode receber após ter retirado Ron Hornaday intencionalmente da prova da Truck Series na noite de sexta-feira.

Só que não é preciso esperar até lá para saber que as consequências para Kyle Busch deverão ser maiores que as imaginadas pelo piloto. Em um primeiro momento, Busch afirmou em uma entrevista ainda na pista que não estava preocupado com a possibilidade de a Nascar o suspender das demais corridas do final de semana. Mesmo assim, foi isso o que a direção da categoria fez.

Essa medida, na realidade, foi entendida como certo exagero nas garagens. Após a corrida da Nationwide, os pilotos evitaram falar sobre Kyle Busch ao afirmarem que a punição imposta pela Nascar foi uma mensagem clara de que há um limite quanto às batidas intencionais, apesar disso, a categoria jamais se propôs a esclarecer qual é esse limite.

Não é necessário voltar muito longe na história da categoria para questionar a decisão da Nascar. Carl Edwards retirou Brad Keselowski da primeira corrida de Atlanta do ano passado com o Dodge do piloto alçando voo e indo direto ao alambrado. Assim como a batida de Busch em Honraday, esse toque também foi intencional, mas sequer houve punição para o piloto da Ford.

E dizer que Edwards não foi punido porque não era uma disputa pelo título da categoria pouco importa, já que a própria Nascar afirmou que Busch foi suspenso pelo que fez na pista. O histórico do piloto e o fato de Hornaday até então estar disputando o título pouco influenciaram na decisão.

Depois disso, Denny Hamlin substituiu o piloto na Nationwide, enquanto Michael McDowell assumiu o carro número 18 na Sprint Cup. Busch até ficou na pista do Texas e assistiu a ambas as provas junto com a equipe. Parecia que o pior já tinha passado.

Enquanto a confusão se desenrolava, a Toyota e a equipe de Joe Gibbs condenaram a ação do piloto, mas afirmaram que o apoiariam não importando o que acontecesse. A M&M’s, por sua vez, emitiu um comunicado um pouco mais intolerante ao dizer que “as recentes ações de Kyle Busch não são consistentes aos valores da M&M’s e estão bastante desapontados. Como qualquer fã faz, os representantes da marca são colocados como ídolos e todas as preocupações foram levadas até a Joe Gibbs Racing”.

Houve ainda um boato que a M&M’s retirou qualquer informação a respeito de Kyle Busch do site da empresa. Embora realmente não tenha nada sobre o piloto por lá, ninguém confirmou se antes do incidente com Hornaday havia.

Não acho que esse é o caso de Kyle Busch perder o patrocinador. Pode até acontecer, mas seria certo exagero. A importância desse episódio, no entanto, é mostrar que a decisão de Busch – ou de qualquer outro piloto – em atirar o carro na direção de um adversário pode ter consequências muito maiores que perder o restante da corrida.

No caso de Busch com a M&M’s, creio que esse episódio serviu como uma gota d’água, já que a empresa relevou inúmeras confusões protagonizadas pelo piloto, incluindo aquele episódio em que ele mostrou o dedo do meio para um fiscal. Eu recomendo essa matéria aqui para quem quiser relembrar todas as confusões do piloto nesses dois últimos anos.

5 comentários sobre “As consequências do acidente do Texas para Kyle Busch

  1. Os fatores que pesaram na decisão da Nascar: A batida ter sido em bandeira amarela; Kyle Busch ter um histórico nada favorável e a corrida anterior da Cup , que foi um show de batidas intencionais. Se fosse outro piloto, alguém de ficha mais limpa ou um piloto exclusivo da Truck, não teria acontecido nada.

    Curtir

  2. Geraldo Piquet fez uma barbaridade dessas na etapa da F-Truck, em Curitiba este final de semana, quase passando seu mercedes em cima do volks de Giaffone… 4,5 toneladas na sua nuca, porque o cara não sabe perder? Simplesmente ridículo, pois como diz o grande Téo José, “este tipo de atitude pode machucar…”

    Seu blog está de parabéns, sempre o acompanho.

    Abraço.

    Curtir

  3. Mano.. excelente seu blog heim !!! Desde que foi linkado no site GrandePremio ja botei o mesmo em meus favoritos !

    Sobre Kyle Bush, o que dizer.. é um rapaz estranho, alterna boas e más apresentações… mas estão se tornando um Dick Vigarista já na Nascar… tá se queimando a toa. Todo mundo sabe q ele anda, nao precisa se mostar mais q isso !

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s