F1 2011 na Índia

Buddh
O novo circuito de Buddh tem tanta importância quanto o GP da Índia para a decisão do título da temporada 2011 da F1

A F1 chega ao circuito de Buddh para o primeiro GP da Índia da história. A etapa faz parte da expansão da categoria na Ásia e mais uma vez será disputada em um autódromo construído por Hermann Tilke.

Apesar disso, os pilotos afirmaram que o traçado não é uma típica pista do engenheiro alemão e, até mesmo de forma surpreendente, está sendo comparado a Monza. Na realidade, não importa muito a opinião dos atletas. Queremos ver disputas e ultrapassagens. Então, se for similar à pista italiana, melhor ainda.

Falando sobre a Índia, já era esperado que a F1 desembarcasse por lá desde que a expansão asiática foi iniciada. A exemplo da China, a Índia também é um mercado chave por conta da bilionária população. Então, era natural uma corrida por lá.

O problema é que os indianos não tem muita intimidade com a F1. Para se ter uma ideia, Narain Karthikeyan afirmou durante a semana que a torcida local o tem cobrado a vitória. Por outro lado, por mais bizarra que essa situação possa parecer, é legal ver esse episódio, pois mostra o primeiro contato de um monte de potenciais fãs com a categoria.

De qualquer modo, obviamente Karthikeyan não briga pelo triunfo. A luta pela primeira colocação deve ficar entre Red Bull e McLaren. Para os rubro-taurinos, a prova não vale mais nada, já que tanto o título de pilotos quanto o de construtores foram definidos.

Resta a eles, garantir o vice-campeonato para Mark Webber, que ainda não venceu 2011. A Red Bull, portanto, pode adotar aquela tática característica da Ferrari na época de Schumacher, quando o segundo piloto – Rubens Barrichello, no caso – passava a ser priorizado após o título do alemão.

A equipe austríaca também pode aproveitar as últimas etapas do atual campeonato para testar componentes já pensando na temporada 2012. No entanto, não deve ser nada radical.

Outra equipe taurina que merece destaque é a Toro Rosso. A irmã menor está em franca ascensão e já briga com Renault e Mercedes pela posição de ‘melhor do resto’. Jaime Alguersuari disse que o objetivo é terminar o ano entre os dez primeiros. Estando 13 pontos atrás de Nick Heidfeld, o décimo, é possível e até mesmo provável. Caso o catalão consiga, eu ficaria preocupado com meu futuro se eu fosse Sebastien Buemi.

Meu palpite furado para a corrida é uma dobradinha da Red Bull e Hamilton em terceiro.

Um comentário sobre “F1 2011 na Índia

  1. Já li que essa pista seria de média horária de alta velocidade, agora vejo que chegou a ser comparada a Monza….não consigo explicação para as pessoas terem dito essas coisas.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s