A etapa de Surfers Paradise da V8 Supercars

Helio Castroneves V8 Supercars
Helio Castroneves vai correr novamente ao lado de Tim Slade na V8 Supercars. Por curiosidade, esse carro 47 é aquele que entrou para a história da categoria com Marcos Ambrose

Enquanto a maioria dos campeonatos ao redor do mundo está terminando, a V8 Supercars – principal campeonato de turismo australiano – segue indefinida. Faltando ainda quatro das oito das 28 corridas (a maioria é disputada em rodadas duplas), o campeonato está longe de ser definido.

O tricampeão Craig Lowndes, mas que não levanta a taça desde 1999, é o líder com 2329 pontos, enquanto o companheiro de equipe – e bicampeão – Jamie Whincup vem logo atrás, com 2229. Depois aparecem Shane Van Gisbergen e Garth Tander, mas muito distantes dos ponteiros.

Se já não bastasse a briga pela liderança estar apertada, a V8 Supercars entrou na fase do campeonato de corridas de longas distâncias. São três etapas – Phillip Island, Barthurst e Surfers Paradise – onde as regras e a pontuação são alteradas e os pilotos precisam formar duplas para competir.

Em Phillip Island, cada piloto da dupla participa de uma corrida de classificação e as parcerias que somarem mais pontos largam na frente no evento principal, onde os dois corredores dividem o carro em uma prova de 500 km. Em Mount Panorama, o final de semana não tem alterações estruturais, mas os dois pilotos dividem o carro, assim como acontece na Le Mans Series ou no GT1. Dessa vez é apenas uma corrida, mas de 1000 km.

Por fim, chegamos a Gold Coast, a etapa mais legal para quem não é australiano e está sendo disputada neste final de semana. Para essa etapa, as regras determinam que os pilotos da V8 Supercars são obrigados a formar duplas com pilotos famosos internacionalmente, que precisa necessariamente completar 30% da corrida de 600 km.

O mais legal é que todas essas etapas continuam valendo pontos para o campeonato. Em Phillip Island, os pilotos somam 33% a mais de pontos, enquanto em Mount Panorama a pontuação é dobrada. Essas rodadas costumam interferir na classificação do campeonato. Veja que interessante é quando o líder na tabela de pontos domina uma dessas provas e passa o carro para o parceiro, que bate e abandona. O prejuízo em termos de campeonato é terrível.

Shane Van Gisbergen e Emanuele Pirro
Shane Van Gisbergen/Emanuele Pirro já aprontaram da suas em Gold Coast

Voltando a falar das provas, a corrida mais importante da V8 Supercars é a de Barthurst, mas a que fica mais em evidência aqui do outro lado do mundo é a de Surfers Paradise justamente por essa obrigatoriedade de chamar pilotos renomados.

Lowndes, o líder da V8 Supercars, terá a companhia de Andy Priaulx, tricampeão do WTCC e futuro piloto da BMW no DTM. Whincup, por sua vez, divide o carro com Sebastien Bourdais. Van Gisbergen corre com Emanuele Pirro, enquanto Tander tem Ryan Briscoe como parceiro.

Os nomes famosos não param por aí, evidentemente. Augusto Farfus, Helio Castroneves e Gil De Ferran são os representantes brasileiros. Eles se juntam a Vitantonio Liuzzi, Marc Lieb, Mika Salo, Christian Klien, Richard Westbrook, Oliver Gavin, Jorg Bergmeister, Alex Tagliani, Stéphane Sarrazin, Fabrizio Giovanardi, Gianni Morbidelli, Dirk Muller, Joey Hand, Marino Franchitti, Simon Pagenaud, Jan Magnussen, Patrick Long e Boris Said.

Dan Wheldon tribute
Ok, eu sei que essa não é a melhor foto para ver isso, mas perceba que abaixo do número 1 tem três nomes. O primeiro é o de Dan Wheldon, que estava escalado para pilotar o carro (clicando para ampliar ajuda um pouqinho) (usando o teléscopio Hubble fica 10)

O atual campeão da V8 Supercars, James Courtney, teria Dan Wheldon como parceiro e por isso foi obrigado a chamar Darren Turner de última hora. O carro número 1, no entanto, segue com o nome do britânico. A morte de Wheldon também tirou Tony Kanaan e Will Power da competição. Enquanto o australiano se machucou no acidente de Las Vegas – e será substituído por Richard Lyons –, o brasileiro segue de luto, pois Wheldon era um dos melhores amigos que tinha na Indy. No lugar corre Allan Simonsen.

Esse regulamento particular do campeonato australiano é bastante divertido, mas acho que não daria certo em nenhum outro lugar do mundo. Caso os campeonatos europeus, como o WTCC e o DTM, implantassem regras assim, acabaríamos vendo os mesmos nomes de sempre sendo chamados para correr. Alguma dúvida que a Audi, por exemplo, iria recorrer aos pilotos da LMS?

O caso mais parecido com Gold Coast é a dos 200 km de Buenos Aires, válido pela TC 2000. Só que na Argentina, apenas os pilotos oficiais da Chevrolet dão as caras. O restante dos participantes é formado por gente nascida por lá mesmo – como o vencedor Esteban Guerrieri, que corre na Indy Lights – ou brasileiros mesmo, da Stock Car.

Por fim, acho uma pena que a corrida de Gold Coast não seja transmitida ao vivo por aqui (quer dizer, nem as da Indy são, imagina da Austrália), pois não é sempre que podemos ver um grid cheio de nomes de peso do automobilismo mundial disputando uma corrida sem o clima de confraternização. Afinal, eles têm obrigação de terminar a prova, pois vale pontos para o campeonato.

P.S.: o atento Luiz avisou nos comentários abaixo que o Bandsports vai passar ao vivo as corridas da V8 Supercars em Surfers Paradise. As provas estão marcadas para 1h30 de sexta para sábado e do sábado para domingo. Vale a pena para quem estiver de bobeira

6 comentários sobre “A etapa de Surfers Paradise da V8 Supercars

  1. Anderson, o Bandsports está disponível na Sky, mas não faz parte dos pacotes. É preciso assinar à parte. Custava R$ 4,50 por mês, quando assinei.

    Curtir

  2. A tá….. Mas esse Band Sports, não funciona em nenhuma rede de TV a cabo da minha cidade….e queremos todas as provas da INDY na Band…..

    Curtir

  3. Dê uma confirmada mas o BandSports está anunciando que vai transmitir esta prova ao vivo, hoje e amanhã. Só não confirme pelo site do canal pois o mesmo é uma $%#¨$…

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s