O maior grid da história da Indy

Indy 500 1997
Tony Stewart liderando o loooongo pelotão da Indy 500 de 1997

A temporada 2011 da Indy chega ao fim neste domingo, dia 16, com a etapa de Las Vegas, onde Will Power e Dario Franchitti novamente disputam o título da categoria. O ano de 2011, aliás, marcou a reestruturação do certame com a chegada de Randy Bernard.

Embora o novo dirigente tenha cometido alguns erros, como o fracasso da etapa de Las Vegas em ter pilotos internacionais e as pistas cada vez mais chatas fazendo parte do calendário, Bernard teve o mérito de expandir o interesse da categoria.

Além de um ligeiro aumento na audiência, a Indy conseguiu atrair um número inédito de participantes. Para se ter uma ideia, em Las Vegas serão 34 carros na pista, mais que em Indianápolis, embora nas 500 Milhas há o limite estipulado de 33, não importando o número de inscritos.

Esse sucesso, claro, é relativo. Se levar em conta só os carros de Penske, Ganassi e Andretti, já se chega a 11, 1/3 do total. Mas RB tem o mérito de que outras equipes passaram a se interessar pela Indy, como a AFS e a Sam Schimdt, ambas vindas da Indy Lights.

O grid de 34 carros, no entanto, não é o maior da história da categoria. Em uma oportunidade na IRL, 35 pilotos participaram de uma prova. Foi nas 500 Milhas de Indianápolis de 1997, a primeira realizada após a separação entre CART e IRL.

Na ocasião, mesmo após a ruptura, Tony George convidou as equipes da CART para participarem da corrida. Só que para beneficiar os times da IRL, o dirigente estabeleceu que estes teriam 25 vagas garantidas, enquanto os da CART lutariam pelos oito lugares restantes.

As equipes da CART protestaram e o embate seguiu durante todo o mês de maio. Por fim, o dirigente voltou atrás e decidiu liberar o grid em condições normais, com os 33 mais rápidos indo à pista. Só que isso retirou Lyn St. James e Johnny Unser da prova. Eles estavam entre os 25 melhores da IRL, mas não entre os 33 mais rápidos.

Os dois ameaçaram entrar na justiça caso não pudessem competir. Para evitar maior polêmica em um campeonato que tentava se estabilizar após a separação, Tony George liberou a participação dos dois e a tradicional prova teve 35 participantes.

Entretanto, a pedida não adiantou muito, já que Sam Schmidt e Alessandro Zampedri sequer conseguiram completar a primeira volta com problemas no motor e um vazamento, respectivamente. Lyn St. James teria a 13ª colocação final creditada após se envolver em um acidente, enquanto Johnny Unser foi o 18º ao abandonar com uma falha na pressão do óleo. O vencedor foi Arie Luyendyk.

Em 1979, houve um caso semelhante. Na ocasião, USAC e CART se separaram e cada entidade organizou um campeonato. Dessa vez, porém, as equipes da CART se inscreveram para a Indy 500 da USAC, mas não foram aceitas. Aí começaram as batalhas judiciais. Primeiro, os times da CART conseguiram uma liminar para participar do treino classificatório, mas muitos deles ficaram de fora da corrida.

Resolveram voltar aos tribunais dizendo que o treino não foi justo e as equipes da USAC foram beneficiadas. O tribunal consentiu e um acordo foi firmado. Dos 11 pilotos que tinham ficado de fora, aqueles que conseguissem fazer uma volta mais rápida que o do 33º colocado durante o warm-up poderia participar da prova. Dois conseguiram e um, Bill Vukovich terminaria a prova em sexto. Na corrida, as equipes da CART dominaram com um então desconhecido Rick Mears conquistando a primeria Indy 500 da carreira.

Anúncios

3 comentários sobre “O maior grid da história da Indy

  1. Mas o mais legal é que o BandSports (a casa da Indy, a maior categoria do Universo segundo o próprio canal) no vai passar a corrida em VT. Em compensação o Mini Challenge vai ser Ao Vivo… Acho que tá na hora de começar a me interessar por Lodopédio…

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s