A grande história da Nascar 2012 não é Danica Patrick

Danica Patrick
Danica Patrick era a principal negociação da Nascar para 2012. Era...

A temporada 2011 da Nascar está chegando a um momento crucial de definição. Não falo dos 12 classificados para o Chase, mas, sim, da hora em que os boatos deixam de ser somente boatos, e as equipes passam a trabalhar pesado pensando em reforçar o plantel para o próximo ano.

Em 2011, duas grandes estrelas do automobilismo americano são consideradas free agents, isto é, estão no último ano de contrato com as respectivas equipes e podem se transferir para outro time a custo zero.

O maior dos nomes até então era o de Danica Patrick. No ano passado, a piloto começou a transição da Indy para a Nascar fazendo algumas provas esporádicas na Nationwide. Apesar disso, os primeiros resultados foram muito fracos, mas neste ano a americana demonstrou uma considerável melhora e parece estar cada vez mais adaptada aos carros de turismo. Tanto que o recorde do melhor resultado de uma mulher na história da Nascar, em qualquer divisão, foi quebrado pela atual piloto da Andretti, no início do ano, em Las Vegas, quando ela terminou na quarta colocação.

A agência AP publicou uma matéria nesta terça-feira, dia 2, dizendo que Danica está muito perto de acertar a transferência para a Nascar, faltando poucos detalhes do contrato. De acordo com a notícia, ela vai disputar a Nationwide em tempo integral no próximo ano com o time de Dale Jr e deve fazer algumas corridas pela equipe de Tony Stewart no final do campeonato na Sprint Cup. Além disso, a americana deve participar normalmente da Indy 500.

Danica Patrick
Danica Patrick está cada vez mais adaptada à Nascar. Em Daytona, em julho, ela lideou mais voltas do que em toda a temporada da Indy até aqui

Sem dúvida nenhuma, no início do ano, Danica era a maior free agent do esporte a motor americano. Entretanto, a situação mudou nos últimos meses. A Indy parece não depender mais somente dela para atrair popularidade. Embora o campeonato seja ainda uma disputa de Will Power x Dario Franchitti, as corridas estão sendo legais, as 500 Milhas deste ano – a do centenário – foi épica e os patrocinadores, ainda que timidamente, estão começando a entrar no esporte. Prova disso foi a marca de 26 carros no grid ter sido atingida em quase todas as etapas. Outro ponto é que a transição Indy Lights/Indy funcionou pela primeira vez na história.

Claro que Danica ainda é uma das principais pilotos da Indy, mas uma saída dela não é mais tão prejudicial para o certame, que flerta com nomes como Travis Pastrana e Kasey Kahne para a corrida de Las Vegas. Por outro lado, a saída da GoDaddy, que deve acompanhar a americana, deve ser mais um golpe duro na Andretti, que perdeu pilotos e patrocinadores constantemente nas últimas temporadas.

A transferência da Danica para a Nascar seria a principal história do esporte, caso Carl Edwards não estivesse tão próximo de mudar para a equipe de Joe Gibbs. A atual piloto da Andretti é, sem dúvida, uma das maiores celebridades do automobilismo mundial, mas, na Nascar, ela chega para disputar a segunda divisão e completar o processo de adaptação. A ida de Edwards para a Gibbs, por outro lado, é similar ao que o Miami Heat fez no início da última temporada da NBA ao contratar em uma tacada só Chris Bosh e LeBron James, além de manter Dwayne Wade, que são alguns dos melhores jogadores da liga.

Se o Miami teve um time com Bosh, Wade e LeBron para tentar superar o então dominante Los Angeles Lakers, a equipe de Joe Gibbs, se tiver Kyle Busch, Carl Edwards e Denny Hamlin em 2012, terá um plantel de jovens promissores da categoria que podem parar Jimmie ‘Kobe’ Johnson.

Carl Edwards
Carl Edwards superou Danica e é o principal assunto da Nascar

Só que o caso de Carl Edwards é ainda mais interessante. Ele pode ser campeão da Sprint Cup ainda este ano, pois é o líder na tabela de pontos na temporada regular. No entanto, mesmo com o bom desempenho, ele parece cada vez mais inclinado a mudar de equipe, mesmo que levantando a taça.

No mês passado, Edwards disse que não vai disputar a Nationwide de forma integral em 2012, ao contrário do que tem feito desde que entrou na categoria. Na Roush, embora tenha enfrentado falta de patrocínio em 2011 na divis, o piloto dificilmente seria impedido de correr por lá. Por outro lado, na equipe de Joe Gibbs, com o time tendo dificuldades financeiras para inscrever o carro 20 – de Joey Logano – em todas as provas da divisão de acesso, seria complicado imaginar que ele pudesse tomar o lugar de Kyle Busch no 18.

O outro grande aspecto envolvendo a transferência de Edwards é a pressão do patrocinador. A Home Depot é rival da Lowe’s, que patrocina Jimmie Johnson. Enquanto a primeira tinha Tony Stewart, a popularidade e o valor da marca era praticamente o mesmo ainda que considerando o domínio recente do carro 48. Com Joey Logano passando por uma longa adaptação à Nascar, a Home Depot investiu pesado em marketing no novo piloto, mas não viu os resultados esperados chegarem. Por isso a pressão para que ele seja substituído por alguém que possa rivalizar com Johnson.

Caso essa transferência realmente aconteça, ficam algumas perguntas no ar. Para onde vai Logano? Um quarto carro da Gibbs é especulado, mas para isso precisaria de patrocinador. Além disso, seria de certa forma irônico caso Logano voltasse à Nationwide. Outra questão é quem vai substituir Carl Edwards? Jack Roush já disse que a ideia é promover um dos jovens pilotos – Ricky Stenhouse ou Trevor Bayne –, mas qual? O primeiro pode ser campeão da Nationwide este ano, enquanto o segundo já tem experiência na Sprint, é o atual vencedor da Daytona 500 e só não está na briga da categoria de acesso, pois perdeu cinco provas internado com uma doença misteriosa. Eu escolheria Bayne, mas aí abre outra questão: qual o destino do que não for escolhido?

O lado bom de todo esse impasse entre Carl Edwards/Roush-Fenway/Joe Gibbs é que Danica passou a ter mais tempo para trabalhar no novo contrato sem que a atenção ficasse voltada para ela. Com duas negociações importantes sendo travadas, é possível que um anúncio acabe ofuscando o outro nos próximos dias. Eu acho que para o esporte como um todo a mudança de equipe de Edwards é mais importante, mas Danica é Danica. E para você, qual dessas mudanças de equipe é a principal?

4 comentários sobre “A grande história da Nascar 2012 não é Danica Patrick

  1. Sem dúvida, a mudança de Carl Edwards…não sou machista. Porém o cara é muito bom piloto e deverá saber para o JJ. A Danika será somente figuração (para atrair patrocinadores). Luiz Fernando

    Curtir

  2. A mudança do Carlos Eduardo é sem dúvida a mais importante, já que a Danica um dos atrativos era ela ser americana e o principal era ser mulher. O primeiro não tem como repor (por enquanto) e o outro já tem a Simona (vulgo Simone Silvetri) e a Bia.

    Aproveitando, que você sabe da saída do mini-Indianapolis do calendário? Quem entra no lugar (a Indy grande???)?
    Montreal já era mesmo? Será que não sobra uma vaguinha pra Indycar voltar pra lá?

    Curtir

    1. Por uma questão de público cada vez menor no Speedway, o Lucas Oil saiu da Nationwide e da Truck e, junto com Sprint e GrandAm, o IMS vai receber as corridas a partir de 2012. Lucas Oil corre o risco de falir por causa dessa mudança, já que eles perderam o evento principal, que era a Nascar.

      Quanto Montreal, não sei se a pista já rodou. Mas a Indy não vai correr lá. A F1 costuma impor contrato de restrições por onde passa para evitar concorrentes.

      Curtir

      1. O que dói na alma é saber que os caras tem duas pistas na mesma cidade, uma usa bem pouco e a outra (Lucas Oil) tem váriantes de traçados (oval e mismo no entorno) e uma retona para arrancada. Já em terra brasilis…

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s