Indy Fast Facts – Homestead-Miami

Scott Dixon
Scott Dixon venceu, mas ninguem notou

# Scott Dixon venceu a Cafés do Brasil 300 em Homestead-Miami. Essa foi a terceira vitória do neozelandês na atual temporada e 24ª na carreira. Danica Patrick terminou em segundo, seguida por Tony Kanaan, Ryan Briscoe e Helio Castroneves. A corrida coroou Dario Franchitti como tricampeão da categoria. O britânico terminou em oitavo, mas foi beneficiado pelo abandono de Will Power.

Dixon apostou em uma estratégia de economia de combustível nas bandeiras amarelas e conseguiu chegar até o final realizando uma parada a menos que Danica e Kanaan, conquistando a vitória. Na corrida, houve 18 mudanças de liderança entre sete pilotos e a bandeira amarela foi acionada cinco vezes, durando 39 voltas.

# Scott Dixon conquistou a 24ª vitória da carreira, terceira em 2010. Com o triunfo, Dixon ultrapassou Helio Castroneves na briga pela terceira posiçao no campeonato. Essa foi a 40ª vitória da Ganassi na Indy, desde que Juan Pablo Montoya venceu as 500 Milhas de Indianápolis de 2000.

# Dario Franchitti marcou a pole position para a Cafés do Brasil 300, em Homestead-Miami. Esta foi a tsegunda vez em 2010 e 14ª vez na carreira em que o britânico saiu da posição de honra. Franchitti curiosamente largou na frente na etapa de abertura da temporada, em São Paulo, e na de encerramento, em Homestead. O piloto da Ganassi está no terceiro lugar, empatado com Greg Ray, entre os que mais largaram da primeira posição na história da Indy.

# Danica Patrick, segunda, foi a melhor piloto feminina da prova, em uma corrida que contou com outras quatro mulheres: Sarah Fisher (22ª), Simona De Silvestro (23ª), Milka Duno (24ª),  e Bia Figueiredo (26ª).

# Milka Duno fechou o ano com chave de ouro chamando a última bandeira amarela da temporada, ao destruir o carro da Dale Coyne

# Alex Lloyd, 12º, foi o melhor colocado entre os candidatos a Rookie of The Year. O britânico acabou sendo o novato da temporada ao somar 266 pontos, contra 242 de Simona De Silvesto, 214 de Takuma Sato, 213 de Bertrand Baguette, 149 de Mario Romancini, 55 de Bia Figueiredo e 44 de Jay Howard

# Os dez primeiros foram compostos por três brasileiros, três americanos, dois britânicos e dois pilotos vindo da Oceania.

# No campeonato, Dario Franchitti conquistou o título ao somar 602 pontos, contra 597 de Will Power, 547 de Scott Dixon, 531 de Helio Castroneves, 482 de Ryan Briscoe e 453 de Tony Kanaan.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s