Helio Castroneves em Indy
Hélio Castroneves e o troféu de Indianápolis: um caso de amor

Hélio Castroneves é um piloto acima da média. Corre pela Penske, melhor equipe da Indy, está sempre entre os ponteiros do campeonato, só que nunca conquistou nenhum título. Aliás, ganhou um sim, foi campeão da versão americana da “Dança dos Famosos”. Mas quando chega o mês de maio, o brasileiro se transforma. A Indy chega a Indianápolis, e o piloto se torna o adversário mais temido de todos.

O brasileiro disputou todas as 500 Milhas de Indianápolis desde 2000. Logo na estreia mostrou porque deve ser respeitado. Era a volta da Penske à Indy e o brasileiro tratou de colocar o famoso carro alvirrubro no lugar destinado ao vencedor. Castroneves repetiu a dose em 2001, graças ao francês Laurent Redon, que bateu nas voltas finais fazendo a corrida terminar em bandeira amarela. Paul Tracy tinha ultrapassado o piloto da Penske, mas a amarela apareceu antes.

Depois de anos disputando a Indy 500 e o campeonato, Helinho se viu envolvido em um escândalo de sonegação de impostos. O piloto lutou durante o fim de 2008 e o início de 2009 para provar a inocência. Absolvido, de volta à Indy, o brasileiro conquistou as 500 milhas do ano passado. Uma emocionante volta por cima.

Agora em 2010, o brasileiro obteve a quarta pole position da carreira na tradicional pista americana. Com três vitórias incomuns – na estreia, contando com a sorte e no recomeço da carreira após o ponto mais baixo – e dominando todos os treinos de classificação, como se estivesse brincando, seria Hélio Castroneves o maior piloto de todos os tempos no oval de Indianápolis?

Aqui você pode conferir os pilotos já garantidos para a edição de 2010 da Indy 500, que acontece no domingo, dia 30 de maio.