Mark Webber comemorando a vitória em Mônaco na piscina
2 touros vermelhos ficaram ensopados após a dobradinha da equipe no GP de Mônaco

-5 foi o número de posições que Michael Schumacher ganhou com a ultrapassagem polêmica em Fernando Alonso. O alemão era sétimo, subiu para sexto, foi punido e caiu para 12º

0 carros das equipes estreantes chegaram ao fim da prova, assim como nenhum dos pilotos estreantes terminaram a corrida

1 foi a volta chave da corrida. Mark Webber manteve a liderança, Sebastian Vettel passou Robert Kubica, com Felipe Massa e Lewis Hamilton completando os cinco primeiros. E a corrida terminou assim

1 rolha tampou o duto frontal de Jenson Button, forçando o abandono do então líder do campeonato. Não foi bem uma rolha, mas fez o trabalho de uma

1 ponto somou Sebastien Buemi, após pontuar pela primeira vez em 2010. Se fosse pelo regulamento antigo, nem ele nem Alguersuari teriam saído do zero

1’15’’192 foi a volta mais rápida da corrida, marcada por Vettel, na volta 71

2 pilotos marcaram ponto em todas as etapas do mundial: Webber e Massa. Eram três, mas Button ficou pelo caminho

2 Williams celebraram o encontro com o guard rail de Mônaco. Nenhuma outra equipe abandonou com dois carros destruídos

3 momentos chaves determinaram o fim de prova para as equipes novatas. Primeiro, as duas Virgin caíram fora logo após os pits stops praticamente juntos. Depois, Kovalainen e Senna recolheram aos boxes na mesma volta por problemas hidráulicos, ou de dirigibilidade. E por último Trulli acertou Chandhok causando a última entrada do safety car

6 pole positions seguidas tem a Red Bull. Cada um dos pilotos conseguiu três

6 pontos somou a Force India, que chegou ao final da prova com os dois carros na zona de pontos pela primeira vez na história de equipe. Adrian Sutil foi oitavo e Liuzzi veio logo atrás

12 pilotos apenas terminaram a corrida em Mônaco. Menor número na atual temporada

13 posições ganhou Alonso nos boxes. O espanhol tinha superado apenas as equipes novatas (e Hulkenberg) quando o safety car apareceu pela primeira vez. Depois que todos foram para as trocas de pneus, o bicampeão subiu para sexto. Apesar do ganho de posições, o asturiano decepcionou pela dificuldade em passar a Virgin de Lucas di Grassi e por ter sido facilmente ultrapassado por Michael Schumacher

15 era a posição de Bruno Senna ao abandonar. O piloto fazia a melhor prova na Hispania, fruto de uma estratégia semelhante a e Alonso nos boxes. Ponto para a equipe (que inclui o piloto) por ter arriscado

20 segundos foi a punição de Schumacher por ultrapassar Alonso em situação de safety car na última volta

22 pontos separam os oito primeiros do campeonato. Menos que uma vitória

78 pontos tem Webber e Vettel na ponta, três a mais que Alonso

156 pontos tem a Red Bull, 20 a mais que Ferrari e 27 na frente da McLaren

World of Motorsport Rookie of the Year:

Vitaly Petrov rindo
Vitaly Petrov está rindo a toa. O russo começa a se consolidar como melhor estreante de 2010

Para poder avaliar melhor os cinco novatos da temporada 2010, o World of Motorsport fará um campeonato a parte entre esses pilotos. A cada prova, eles receberão pontos no clássico esquema 10-6-4-3-2-1, além de bônus para cada ponto que marquem na temporada normal da Fórmula 1.

Além dos cinco estreantes – Lucas di Grassi, Bruno Senna, Vitaly Petrov, Nico Hulkenberg e Karun Chandhok – Kamui Kobayashi também entrará na competição por ter participado de apenas duas provas na carreira.

Em Mônaco, a ordem de chegada foi Vitaly Petrov, Karun Chandhok, Bruno Senna, Kamui Kobayashi, Lucas di Grassi e Nico Hulkenberg.

Após a prova de Mônaco, Vitaly Petrov é o líder, somando 46 pontos, seguido por Nico Hulkenberg com 34. Depois vem Karun Chandhok, 26; Lucas di Grassi, 21; Bruno Senna, 21 [que coisa não, Embratel?] e Kamui Kobayashi, 15.

A próxima etapa da Fórmula 1 será dia 30 de maio, na Turquia.